História

Antes de fechar com a Record, Ratinho teve contrato rasgado na Band

Apresentador relembrou história durante almoço para comemorar os seus 20 anos no SBT

Foto: Sandro Nascimento/NaTelinha
Foto: Sandro Nascimento/NaTelinha

Publicado em 11/09/2018 às 16:24:03

Por: Fabrício Falcheti com Sandro Nascimento

RatinhoSBT promoveram um almoço nesta terça-feira (11), para celebrar os 20 anos do apresentador na emissora. O NaTelinha foi um dos veículos convidados.

No evento, Carlos Massa conversou com os jornalistas e contou uma história que poucos sabiam.

No auge do seu "190 Urgente", na CNT/Gazeta, Ratinho quase foi para a Band, em 1997. Ele chegou a assinar contrato e ficou aguardando na recepção a assinatura do presidente do grupo, João Saad. Quando ele entrou na emissora, teria bradado: "Você é aquele que tá na CNT? Ah, eu não quero você aqui não", rasgando o documento na frente do apresentador.

No almoço, Carlos Massa contou que saiu chorando da Band, até que se deparou com o diretor Eduardo Lafon (1948-2000) na porta. À época na Record, ele quis saber se o animador havia assinado o contrato, e Ratinho mentiu: "Falta só assinar, o contrato tá pronto".

"Não, você não vai assinar. Vamos lá na Record", teria dito. E ele de fato assinou com a rede de Edir Macedo pelo salário de R$ 120 mil, o mesmo que a Band pagaria.

Na conversa com os jornalistas, Ratinho disse que sua ideia era fechar com a Band para vir a São Paulo, ficando mais próximo do SBT. O apresentador, inclusive, contou que Silvio Santos chegou a fazer uma proposta para ele ainda na época do Paraná, mas que o valor seria menor do que ele recebia na CNT.

Após essa história, Ratinho estourou na Record e motivou Silvio Santos a contratá-lo a peso de ouro no dia 27 de agosto de 1998, com vencimentos em torno de R$ 1 milhão e o pagamento da multa rescisória.

Sua estreia na emissora, com o "Programa do Ratinho", aconteceu no dia 8 de setembro do mesmo ano. Liderou audiência e ficou no ar ininterruptamente até 2006, quando se envolveu em acusações e viu os índices caírem. A atração retornou em 2009 e segue até hoje, com exibição de segunda a sexta, a partir das 22h30.



publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!