Reportar erro
Exclusivo

Mateus Solano analisa Quanto Mais Vida, Melhor toda gravada: "É perigoso o que está sendo feito"

Ator vive novo protagonista na próxima novela inédita da Globo às 19h

Mateus Solano em Quanto Mais Vida, Melhor
Mateus Solano é Guilherme Monteiro Bragança em Quanto Mais Vida, Melhor - Fotos: Divulgação/TV Globo
Ana Cora Lima

Publicado em 07/11/2021 às 07:51:00

Guilherme Monteiro Bragança é mais um protagonista para entrar na coleção de Mateus Solano. Ainda no ar com a reprise de Pega Pega, o ator está animado com a volta das novelas inéditas depois de quase dois anos de isolamento social por conta da pandemia do coronavírus, mas jura que não tem ideia de como será a interação o público com a trama de 161 capítulos. Quanto Mais Vida, Melhor estreia no dia 22 de novembro. “Eu tive a honra de assistir os dois primeiros capítulos e é de tirar o fôlego”, entrega Solano em entrevista exclusiva ao NaTelinha.

Aos 40 anos, Mateus é um homem bem-humorado, tem mania de comer pimenta e gostaria de ser apresentador de um programa sobre ecologia. “Seria um programa para mostrar as belezas naturais do nosso planeta, apontando os problemas que a ação humana trouxe e também mostrando as soluções possíveis e as ações necessárias no nosso dia a dia pra preservar todo o planeta”, diz.

Confira a entrevista na íntegra com Mateus Solano:

Quem é Guilherme Monteiro Bragança?

Mateus Solano - Guilherme Monteiro Bragança é o melhor cirurgião cardíaco do Brasil, quiçá da América Latina. Mas, digamos que a humildade dele não é proporcional. Pelo contrário. Ele é um cara muito cheio de si, autocentrado e controlado... Por ser o dono da clínica (da trama), ele é o mandachuva no trabalho e em casa também e tudo o que ele diz é lei. Consequentemente, um monstro foi se criando nesse lugar da empatia, do afeto... Guilherme é um cara que não sabe lidar muito com isso. Costumo dizer que ele é um cirurgião cardíaco que é a melhor pessoa para cuidar do seu coração, mas não conhece o próprio coração. Eu faço esse jogo de palavras porque é isso: apesar de ele saber com detalhes como funciona o órgão cardíaco, ele não entende nada desse subjetivo coração que nós temos de amor, de afeto. Ele tem muita dificuldade em incluir o outro na sua vida.

Mateus Solano analisa Quanto Mais Vida, Melhor toda gravada: \"É perigoso o que está sendo feito\"

Na sua opinião, o que vai fazer o telespectador gostar de Quanto Mais Vida, Melhor?

Mateus Solano - Quanto Mais Vida, Melhor é uma novela leve, divertida, com um elenco espetacular, surpreendente mesmo. Há diversas situações divertidas, ação, drama, muita comédia. Tem uma trama ágil que vai deixar o público ligado, tenho certeza. Até agora, eu tive a honra de assistir os dois primeiros capítulos e é de tirar o fôlego.

Qual é a expectativa de ter de volta as novelas inéditas e como você vê essa falta de diálogo direto com o público que sempre foi uma marca de uma obra aberta, que são as novelas?

"Não faço ideia do que esperar da interação do público com uma novela tão grande (161 capítulos) que não foi ao ar ainda. Sem dúvidas, esse não é o ideal... Uma obra pra ser tão longa precisa necessariamente ter um diálogo com o público que a está assistindo... Por isso ela pode ser tão longa, porque ela vai se ajustando com o que o público quer e não quer assistir no seu desenrolar. Então, é perigoso o que está sendo feito, mas é a única solução (gravar uma novela inteira antes de ela ir ao ar) por todas as questões de protocolo e de toda organização na agenda da empresa".

Mateus Solano

Acha que isso vai ser uma tendência? Acha que as novelas de agora em diante não vão passar dos 120 capítulos?

Mateus Solano - Não acho que novelas gravadas inteiras antes de ir ao ar sejam uma tendência.... Acho que é uma tendência da novela ficar menor, ter menos capítulos. Mas, como disse antes, acho que novela prescinde de uma troca com o público que vai assistindo e mudando a própria novela.

É verdade que você gostaria de apresentar um programa de ecologia? Tem ideia de como seria?

Mateus Solano - Sim, verdade! Gostaria muito de apresentar um programa de ecologia. Seria um programa pra mostrar as belezas naturais do nosso planeta, apontando os problemas que a ação humana trouxe e também mostrando as soluções possíveis e as ações necessárias no nosso dia a dia pra preservar todo o planeta.

Mateus Solano analisa Quanto Mais Vida, Melhor toda gravada: \"É perigoso o que está sendo feito\"

Uma mania...

Mateus Solano - Comer pimenta. Quanto mais forte, melhor.

Em várias entrevistas, você é rápido e tem tiradas de humor. Gosta de fazer humor e acha que essa é uma arma poderosa contra o preconceito e a opressão?

Mateus Solano - Sempre fui muito bem-humorado e gosto muito do humor. Aliás, acho que humor é uma ferramenta muito poderosa nos dias de hoje para falar de coisa séria.

Acha que a função da arte não é só entreter, é também educar, é participar, é engajar? Qual é o papel do ator em uma sociedade tão complexa como a nossa?

"A função da arte vai muito além de entreter. Entreter é uma das possibilidades, das potências que as artes têm. Mas, querendo ou não, a arte faz pensar e já muda a gente. Existem pequenas mudanças, mudanças imperceptíveis. E existem grandes mudanças que podem ser movidas por uma peça de teatro, por alguma situação que um personagem viveu numa novela etc.. Mas, hoje em dia, a função do artista que é amado por seu público é ainda maior e mais cheia de responsabilidade porque a gente vive na chamada sociedade do espetáculo, onde a gente elege palhaços e fica mais interessado em saber sobre a vida dos artistas do que daqueles que nos representam no Congresso. Portanto, isso traz um peso para o artista. Responsabilidade essa que ele não tem obrigação de abraçar. Repito. Acho que a função do artista é ser artista, mas querendo ou não, a coisas que ele diz acabam tendo um peso maior do que deveria.



Participe do nosso grupo no Facebook

Um canal aberto entre o NaTelinha e o internauta, para debate sobre os assuntos da televisão, bastidores, novelas, reality, famosos, audiências, análises e muito mais. Participe!

Participar
Mais Notícias