Reportar erro
Vem aí

Te Dou a Vida: Tudo sobre a nova novela do SBT

Produção vai suceder Amores Verdadeiros

Atores da novela Te Dou a Vida
Novela vai estrear no SBT - Foto: Divulgação
Redação NT

Publicado em 20/09/2021 às 05:00:13

Te Dou a Vida é a novela mexicana que entrará no lugar de Amores Verdadeiros (2012-2013) e terá a dura missão de manter os altos índices de audiência da sua antecessora. Produzida pela Televisa, o folhetim foi escrito por Lucero Suárez e passou na TV do México entre 23 de março e 12 de julho de 2020, tendo sido gravada durante a pandemia. Ela é um remake de uma produção chilena de mesmo nome, que acabou sendo transmitida em 2016.

A trama teve como protagonista José Ron, que interpretou o personagem Pedro Garrido, e Eva Cedeño, que deu vida a mocinha Helena Villaseñor. Quem tiveram a missão de serem os antagonistas foram Jorge Salinas, Danny Perea, Camila Selser e Miguel Ángel Biaggio. A história ainda contou com Omar Fierro, Ricardo Margaleff, Ara Saldivar, Ramses Alemán, Arturo Carmona e Gloria Sierra e os primeiros atores César Évora, Erika Buenfil, Nuria Bages, Luz María Aguilar e Óscar Bonfiglio no elenco.

O enredo gira em torno de Nicolás (Leonardo Herrera), que é um menino de apenas seis anos de idade que tem leucemia, necessitando de um transplante de medula. Elena (Eva Cedeño) e Ernesto (Jorge Salinas) são casados e pais adotivos do garoto, que receberam a notícia como uma bomba. O pior é que ambos não são compatíveis para fazer a doação da medula.

Por conta disso, eles vão atrás do pai biológico do menino, que ainda é vivo. Pedro (José Ron) é um mecânico que trabalha em uma oficina. Em um primeiro momento, o rapaz não acredita que é pai do menino, porque a namorada do passado não revelou que estava grávida. Porém, ao conhecer Nicolás, acabará se apegando a ele e irá se apaixonar por Elena.

Te Dou a Vida e a pandemia

Substituta de Amores Verdadeiros no SBT, Te Dou a Vida é uma Laços de Família do México

Te Dou a Vida será inédita no Brasil, evidentemente já que foi exibida no ano passado na Televisa, indo ao ar entre os meses de março e julho daquele ano, com apenas 82 capítulos. Mesmo o período mais difícil da pandemia do coronavírus não impediu a trama de seguir, por isso a produção enfrentou problemas no elenco, já que houve quem tivesse se contaminado.

As produções mexicanas tiveram uma pausa de cerca de 40 dias quando o coronavírus eclodiu no país, mas logo retornaram e, no primeiro teste, duas atrizes da novela foram diagnosticadas com a doença. Trata-se de Ara Sadívar e Dayren Chávez, que não puderam gravar e tiveram de guardar isolamento social, cumprindo as medidas sanitárias. Mesmo assim, o tabloides do país chegaram a dizer que houve pânico por parte do elenco, que chegou a ter contato com as duas no retorno.

Mas não havia muito o que fazer, já que quando a Televisa optou por suspender todas as gravações, Te Dou a Vida estava bem adiantada, mas ainda não havia encerrado sua produção e era preciso retornar para dar um final à história. Diferente do Brasil, como o México grava com grande frente, a trama não saiu do ar, por isso a urgência do retorno, mesmo no auge da pandemia.

Elenco conhecido

A trama que estreará no SBT, carrega o fardo de ser um fenômeno no México. A novela foi a atração mais assistida da emissora durante o período em que esteve no ar, no auge da pandemia do coronavírus. Em seu último capítulo, exibido no dia 12 de julho de 2020, foi final de novela mais assistido em seis anos na TV aberta mexicana. O folhetim atingiu quase 6 milhões de pessoas na Televisa, contra 985 mil espectadores da TV Azteca, principal concorrente da emissora no país.

Os dois protagonistas homens são exemplos disso, já que Jorge Salinas, que esteve em A Que Não Podia Amar e Meu Coração é Teu. O outro, Jose Ron, conhecido também por A Que Não Podia Amar e Quando me Apaixono. Além deles, há nomes como César Évora (Coração Indomável, O Privilégio de Amar, A Madrasta) e Érika Buenfil (Amores Verdadeiros).

Sucesso de crítica

A novela estreou com 3,3 milhões de telespectadores e seu último capítulo foi visto por 5,1 milhões de pessoas. Ao longo dos seus 82 capítulos, teve uma média total de 3,6 milhões, sendo exibida de segunda a sexta. Alcançou grande sucesso entre os especialistas de televisão.

O site lahoradelanovela deu uma nota 8 de 10 para a produção, afirmando que, apesar do enredo ter um ritmo mais devagar, é cercada de cenas muito emocionantes, principalmente quando envolve o protagonista infantil. “A combinação dessa batida, música triste, bom diálogo e boa atuação pode realmente mover uma pedra”, diz trecho da crítica.

Já na plataforma Milenio, o crítico Álvaro Cueva demonstrou muita satisfação em poder acompanhar a produção. “Essa obra de Lucero Suárez parece linda, como uma novela, sim, mas como uma novela de 2020. Cada um dos recursos é colocado onde tem que estar, como tem que estar”.

Recebeu seis indicações no prêmio TV Addicted Golden Awards 2020 nas categorias Melhor Telenovela, Melhor Casal, Melhor Ator Masculino, Melhor Ator Infantil, Melhor Final e Melhor Adaptação. A novela conseguiu vencer em todos os setores que foi nomeado.

Mais Notícias