Golpe

Êta Mundo Bom: Sandra seduz Candinho: "Venha, me abraça"

Vilã arma para separar o primo de Filomena e planeja se casar com o herdeiro

Êta Mundo Bom: Sandra seduz Candinho:
Em Êta Mundo Bom, Sandra tenta beijar Candinho mirando a fortuna da "titia" - Foto: Reprodução/Globo

Publicado em 22/06/2020 às 07:15:00

Por: Walter Felix

Em Êta Mundo Bom, Sandra (Flávia Alessandra) terá que rever seus planos após Ernesto (Eriberto Leão) ser desmascarado. Ainda de olho na herança de Anastácia (Eliane Giardini), a pilantra vai se insinuar para Candinho (Sérgio Guizé) e seduzir o rapaz após todos descobrirem que ele é o verdadeiro filho da milionária.

Nos próximos capítulos, Sandra consegue fazer com que Anastácia acredite que a sobrinha não sabia nada sobre a farsa de Ernesto. A ricaça será convencida por Pancrácio (Marco Nanini) que tanto a loira quanto seu irmão, Celso (Rainer Cadete), nada tiveram a ver com a armação do falso Candinho.

Livre de ser desmascarada, a vilã se encontra com Ernesto e afirma ao comparsa que se casará com o verdadeiro herdeiro da tia. Os pilantras armam um plano para fazer com que Candinho esqueça Filomena (Débora Nascimento), mostrando ao ingênuo caipira um pintura de sua amada totalmente nua.

Desiludido, o filho de Anastácia ficará ainda mais arrasado quando Ernesto sequestra o Policarpo, o burro de estimação de Candinho, para conseguir dinheiro da família. Fragilizado, o herdeiro ficará mais suscetível a cair nas garras de Sandra.

Em Êta Mundo Bom, Sandra tenta beijar Candinho, que recua: “Vai deitar, faz favor”

Já morando na casa de Anastácia, Candinho será pego de surpresa pela prima em seu quarto, enquanto troca de roupa. “Ê, lasqueira! Você entrou de supetão, quase pegou eu de ceroulas”, reage o caipira. Sandra pede desculpas e já começa a colocar seu plano em prática.

“Eu vi o quanto você ficou desesperado quando descobriu que o Policarpo foi roubado. Doeu em mim também”, mente a loira. “Eu me afeiçoei àquele burro, talvez porque tenha me afeiçoado a você também”, prossegue ela, envolvente.

Inicialmente, o mocinho sequer desconfia das segundas intenções da vilã. “Ah, Sandra… Você tem um coração de ouro”, diz. Sob o pretexto de consolá-lo, Sandra se aproxima, sedutora. “Pode chorar na minha frente, Candinho. Homens também têm sentimento… Venha, me abraça! Eu quero o seu melhor, Candinho. A sua tristeza também é a minha”, diz a pilantra, enquanto o acaricia.

Em seguida, ela se aproveita da fragilidade do primo para tentar beijá-lo, mas Candinho recua. “Você faz o favor de ir deitar? É que eu tô confuso…”, justifica o caipira, fugindo da situação. “É que de repente, eu…”, justifica Sandra, como quem agiu por impulso. “Vai deitar, faz favor. E deixa eu aqui com minha tristeza”, frisa o rapaz.

A vigarista, então, volta para o seu quarto, certa de que está no caminho certo, e encontra Celso, que a repreende pela tentativa de dar em cima do primo. Sandra, porém, se mostra irredutível e disposta a investir no casamento com o herdeiro de Anastácia. A sequência vai ao ar na próxima sexta-feira, 26 de junho.





LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!