Voltou atrás

Autores da Globo aprovaram retorno da estreia de novelas às segundas

Emissora voltou atrás no teste de estrear novelas às terças e quartas

Autores da Globo aprovaram retorno da estreia de novelas às segundas
Graz Massafera e Antônio Fagundes protagonizam "Bom Sucesso", primeira novela das sete em 04 anos a começar numa segunda-feira. Foto: Divulgação

Publicado em 31/07/2019 às 05:39:07

Por: Naian Lucas

A decisão da Globo de voltar atrás na mudança de calendário nas estreias das novelas das 18h e das 19h fez os autores da emissora comemorarem. Após quatro anos iniciando novelas às terças ou quartas-feiras, a cúpula de dramaturgia optou por voltar à tradicional segunda-feira como data para o primeiro capítulo de suas obras nas duas faixas.

A primeira produção a retomar a data que sempre foi a base de estreias para as novelas da Globo nas últimas décadas foi "Bom Sucesso". A produção do horário das sete estreou na última segunda-feira (29) com muita comemoração por parte dos autores da Globo.

Sob a condição de sigilo, ao menos quatro novelistas aceitaram conversar com o NaTelinha e garantiram que a mudança é benéfica para quem está produzindo. Na visão deles, iniciar um capítulo na terça ou na quarta impede que a trama seja o principal assunto da semana nas redes sociais ou mesmo no dia-a-dia das pessoas.

Essa não é o único ponto lembrado pelos dramaturgos. Para eles, escrever blocos fechados de seis capítulos é muito mais prático para se organizar um trabalho em equipe. Normalmente, os roteiristas enviam os documentos com os scripts das novelas de forma semanal, isso é chamado de bloco e contém seis capítulos (de segunda a sábado). 

Ao menos um autor comentou ainda que há outra problemática de ordem mais técnica que prejudicava a primeira semana da novela quando ela estreava em dias alternativos. Ele explicou que na primeira semana, os novelistas costumam dividir cada capítulo como um organismo individual de acontecimentos que culminam com a primeira grande ação da novela, ao final do capítulo seis. Para se manter essa estrutura, esse fato deixava de acontecer no sábado para preparar o público para a semana seguinte e passava a ocorrer já na metade da segunda semana, desorganizando o que eles chamam de homogeneidade do roteiro.

A reportagem apurou que, quando da mudança, a expectativa da direção de dramaturgia da Globo era de tentar elevar os números de audiência do último capítulo, retirando-o da sexta-feira, dia em que, historicamente, há menos televisores ligados nos horários.

A alteração não teve efeito prático, embora mostrou um início promissor. Primeira trama das 19h a encerrar numa segunda-feira, "Totalmente Demais" alcançou média de 37 pontos em seu capítulo final. Este foi o melhor desempenho do horário desde 2011, com "Tempos Modernos".

Entrando nessa toada dois anos depois, o resultado primário da faixa das 18h também foi empolgante. "Sol Nascente" marcou 27 pontos em seu último capítulo, também exibido numa segunda-feira. Este foi o terceiro melhor desempenho da década, somente sendo superado pelos fenômenos "Cordel Encantado" e "Êta Mundo Bom".

A última novela das 19h que colocou seu desfecho em dias alternativos foi "O Tempo Não Para". A novela de Mário Teixeira terminou numa segunda e alcançou apenas 25 pontos. No horário das 18h, foi a vez de "Espelho da Vida" alcançar somente 23 de média.

O NaTelinha entrou em contato com a Globo com questionamentos a respeito da mudança e do alívio dos roteiristas. A única resposta foi: "Isso faz parte da estratégia de programação".


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!