Xeque-mate!

“A Dona do Pedaço”: Jô dá xeque-mate em Maria da Paz, rouba sua fortuna e a coloca na rua

Maria da Paz é humilhada pela filha que a chama de burra antes de expulsá-la de casa


josiane-assassina-a-dona-do-pedaco_6f1c93a1db9bb257f15ff48ea5fb64ac091f4622.jpeg
Josiane comemora vitória em cima da mãe - Reprodução/TV Globo

Em "A Dona do Pedaço", A derrocada de Maria da Paz (Juliana Paes) está prestes a acontecer. Ela vai descobrir que a filha amada armou um grande golpe para tirar todo o seu dinheiro e ainda será chamada de burra pela patricinha. 

Tudo começa depois que a boleira flagrar osiane (Agatha Moreira) na cama com o padrasto. A patricinha propões uma conversa definitiva com a mãe e com atos de crueldade irá abrir o jogo com ela, contando cada passo armado até a cartada final. 

Desesperada, Maria da Paz ainda dirá ser capaz de perdoar a filha e é ofendida pela moça, que a chamará de burra e ridícula. A sequência acontece depois que a empresária sair da cadeia. 

Quando ela descobre a traição de Régis (Reynaldo Gianecchini), atira no playboy e é presa em flagrante. Porém, depois de operado o irmão de Lyris (Deborah Evelin) fica fora de perigo e a boleira será liberada. 

Chegando em casa, a filha já tomou posse de todos os seus bens. Então, a Influencer revela que conheceu Régis no dia do leilão e passou a sair com ele, acreditando que o playboy tinha dinheiro, mas aos poucos descobriu que o rapaz era falido e vivia de aparência.

Cada vez mais apaixonada, ela teve a ideia de juntá-lo à sua mãe para roubar o dinheiro da empresária. “Eu saí com ele naquela mesma noite... E depois outras vezes, só que o Régis, apesar de toda a aparência, não tinha dinheiro de verdade. Eu fui descobrindo isso aos poucos”, relata. 

Nessa hora, a patricinha reclama que a mãe controlava seus gastos, o limite do cartão era baixo, e apesar da empresária ter dinheiro, ela nunca via a cor dele. Maria alega que tudo o que fez foi para proteger a filha, mas a pilantra continua. 

Ela lembra que quando o Régis se aproximou da mãe, ela ainda estava encantada pelo Amadeu (marcos Palmeiras). Então, ela armou para separá-los. Maria diz que acabou pensando mal do advogado, pois jamais iria duvidar da filha. 

Nessa hora, Josiane afirma que por mais que seja sua filha jamais se pareceria com ela. “Eu quero viver no luxo, na alta roda. Eu queria o tipo de vida que o Régis costumava ter. Eu queria um homem como o Régis!”, dispara. 

Maria da Paz implora para a filha se calar, mas ela continua. “Um homem que me orgulhasse. Eu não queria viver essa vida cafona que você vive...", alfineta. Assim, Jô conta que com a ajuda do playboy ela foi induzindo a mãe a fazer tudo o que ela queria. 

Perplexa, Maria da Paz começa a juntar as peças e pergunta se tudo não passou de um golpe e a filha confirma. “Foi tudo combinado!”, alerta. Sem se preocupar com a mãe, a blogueira afirma que precisava do dinheiro dela para bombar na internet e o arrancou sem que a trouxa percebesse. 

Ela confessa, ainda, ter roubado as joias da mãe para o Régis vender e colocou a culpa em Rock (Caio Castro). “As joias. Você fez eu pensar que foi o Rock que roubou”, lamenta Maria da Paz, envergonhada. 

“Fui eu que peguei, e o Régis vendeu para te dar uma lua de mel, para aparecer que tinha dinheiro ainda, e você caiu. Você foi burra”, humilha a jovem. Em sua defesa, Maria da Paz alega que não é burra. 

A empresária diz que chegou a achar algumas coisas estranhas, mas dificilmente uma mãe irá desconfiar que a filha está roubando o marido dela. “Mãe nenhuma é burra. Só o amor cega a gente”, desabafa. 

Acreditando no remorso da filha, a boleira lhe dá a chance de voltar atrás e fazer as pazes, mas Josiane lhe dá xeque-mate. “Vem para os meus braços, filha. Me abraça!”, implora, chorando. 

“Ridícula!”, grita a vilã. “Pegue suas coisas e vá embora! Quando o Régis voltar não quero que encontre um traço sequer de você aqui. Agora, não há mais motivos para nos escondermos. Ele vai voltar. Vai viver aqui comigo. Vai viver na casa que você pagou”, sentencia. A cena vai ao no dia 20 de agosto. 

Mais Notícias