Trabalho

Após "Apocalipse", Lucinha Lins pode estar em "Gênesis"

Veterana declarou que deve participar de novo projeto no programa "Palco Record"

Após
Lucinha Lins conversou com o programa "Palco Record", de Portugal - Foto: Reprodução/Record

Publicado em 10/07/2019 às 21:40:03 ,
atualizado em 11/07/2019 às 12:38:38

Por: Daniel César

Lucinha Lins poderá estar na próxima novela bíblica da Record, “Gênesis”. Pelo menos é o que a atriz indicou em entrevista ao programa “Palco Record”, exibido em Portugal. Ela falou sobre o início da sua carreira, da trajetória na emissora e que não deve ficar muito tempo longe da televisão.

A apresentadora Rita Rosado a questionou sobre um trabalho futuro, declarando que a próxima novela do canal contará com a artista no futuro. Com um sorriso no rosto, ela balançou a cabeça positivamente. “Parece que no segundo semestre já temos trabalho. Vamos ver”, declarou.

A única produção da Record em dramaturgia prevista para começar no segundo semestre é “Gênesis”, história que terá Emilio Boechat como autor após a saída de Gustavo Reiz do projeto. Sete capítulos já foram entregues e contará com a direção de Alexandre Avancini.

A ideia da produção é trazer uma nova linguagem para as telenovelas brasileiras: antologia. É que, diferente de todas as novelas nacionais, com “Gênesis” a emissora irá apostar em várias histórias independentes dentro de uma mesma produção. O formato é muito mais parecido com pequenas minisséries e que, vistas juntas, podem formar uma antologia de narrativas do primeiro livro bíblico.

Segundo apurou o NaTelinha em abril, a produção deverá contar três histórias distintas, cada uma com um número diferente de capítulos. Adão e Eva, o Dilúvio e a história de Abraão serão os motes da trama.

Mesmo com três histórias distintas, a Record optou por contar todas dentro de uma mesma novela. A estratégia lembra as antologias de séries americanas que têm feito sucesso. Obras como “American Horror Story”, “Fargo” e “American Crime Story” mantém o mesmo nome, mas a cada temporada contam uma história diferente com personagens independentes.

Em telenovela, contudo, essa estratégia é inédita. Embora lembre um pouco o que faz “Malhação”, a novelinha teen da Globo é vista muito mais como série. “Chiquititas”, em sua primeira versão, tentou algo semelhante, mas sempre separando por temporadas, assim como a produção global.

Além da possível escalação de Lucinha Lins, a novela deverá contar com Adriana Garambone, Zécarlos Machado, Gil Coelho e Ernani Moraes.

Adiamento de “Gênesis”

“Gênesis” teve de ser adiada por problemas de produção. Prevista para ir ao ar logo após “Jesus”, a novela deu espaço para a macrossérie “Jezabel”. É que o autor escolhido, Gustavo Reiz, se desentendeu com a cúpula da Igreja Universal, que cuida dos projetos de novelas bíblicas, e acabou deixando a produção.

A Record convocou Emílio Boechat (foto/acima), experiente colaborador e que já assumiu a reta final de “Apocalipse”, após a titular Vivian de Oliveira deixar a emissora também por problemas.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!