"Totalmente Demais"

Autor da Globo ataca Moro, ofende colega jornalista e defende Lula: "#ChupaMoro, #LulaLivre"

Autor da Globo ataca Moro, ofende colega jornalista e defende Lula:
Paulo Halm ataca Moro e jornalista nas redes sociais - Divulgação

Publicado em 07/04/2018 às 16:00:25

Por: Redação NT

Responsável pelos sucessos de "Malhação - Sonhos" e "Totalmente Demais", ambos escritos com parceria de Rosane Svartman, Paulo Halm vem elevando o tom em suas manifestações nas redes sociais à favor do ex-presidente Lula e contra o juiz Sérgio Moro ou até mesmo a colegas favoráveis à condenação do político, como a jornalista da Globo News Leilane Neubarth.

Halm, que tem presença assídua no Twitter e que tem a política como seu principal assunto, vem intensificando suas postagens desde que Lula teve sua prisão decretada por Sérgio Moro na última quinta-feira (05).

UOL: Mais informações sobre a prisão do ex-presidente Lula 

O roteirista também debochou de Moro em uma publicação nesta sexta-feira (06), quando restavam poucos minutos para o fim do horário limite para que Lula se apresentasse de forma espontânea à Polícia Federal.

Ainda na onda relacionada a Lula e à votação do Habeas Corpus no STF, Paulo Halm atacou sua colega Leilane Neubarth, da Globo News. "Essa moça era petista nos anos 80. (...) Não há botox que dê jeito no envelhecimento".

Apesar de suas críticas severas à mídia, Halm nunca as endereça à TV Globo. Quando muito, comenta o jornal O Globo, ainda que em um tom muito mais ameno.

Paulo Halm é bacharel em cinema, roteirista e fez diversos trabalhos na Globo nos últimos 10 anos. Foi colaborador de "Malhação" em 2012 e alçado a autor titular em 2014, ao lado de Rosane Svartman. A dobradinha rendeu bons frutos - "Totalmente Demais" em 2015 - e deve ser repetida em 2019, com "Chuvas de Verão".


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!