De volta em 2018

Em 2004, Endemol processou SBT por plágio do "Topa ou Não Topa"

Game show voltará este ano na emissora

Em 2004, Endemol processou SBT por plágio do
Silvio Santos em 2006 à frente do seu xodó da época: "Topa ou Não Topa" - Divulgação/SBT

Publicado em 02/02/2018 às 12:44:02

Por: Thiago Forato

O "Topa ou Não Topa", uma das dezenas de programas que Silvio Santos apresentou na década passada, voltará ao ar em 2018, desta vez, muito possivelmente sob o comando de Patrícia Abravanel. Roberto Justus também esteve à frente do formato no começo da década e até premiou um participante com R$ 1 milhão.

Vendido para dezenas de países desde 2002, o "Topa ou Não Topa" começou a ser exibido na Holanda. Logo, ganhou fama pelo mundo, fazendo sucesso principalmente nos Estados Unidos com a apresentação de Howie Mandel, o pai de Bob do desenho "O Fantástico Mundo de Bob".


Cena da versão americana

O ano era de 2004, e a guerra judicial entre SBT e Endemol/Globo envolvendo a "Casa dos Artistas" ainda estava longe do fim. Mas tinha a mesma premissa, já que a acusação era plágio.

Silvio Santos estreou em maio daquele ano o programa "Eu Compro o Seu Televisor" nas noites de quarta-feira.

A Endemol ficou furiosa. Ela resolveu entrar na Justiça contra o SBT pedindo uma gorda indenização pela cópia.


Game-show de 2004 apresentado por Silvio Santos

"Eu Compro o Seu Televisor" saiu do ar poucos meses depois e nunca mais voltou com edições inéditas. O pedido de liminar para tirar o game-show de Silvio Santos foi negado.

Em 2006, Silvio Santos resolveu comprar o programa original depois de pirateá-lo. E não se arrependeu. Ficou tão encantado com o game que passou um final de semana inteiro gravando seu novo xodó naquela ocasião.

O formato consiste no jogador escolher uma maleta entre 26 com valores que vão de 50 centavos a 1 milhão de reais. Ao longo do programa, ele recebe várias propostas do banqueiro para desistir.

Ainda não há previsão de reestreia do "Topa ou Não Topa" na programação do SBT.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!