Reportar erro
Cruzeiro foi o campeão

"Cheirinho" do título do Flamengo dá recorde e audiência avassaladora à Globo

Flamengo perdeu a disputa para o Cruzeiro nos pênaltis

cruzeirocampeao_8b8f863631002db338e14e9ab3b2183ecd15ee33.jpeg
Cruzeiro ergue a taça da Copa do Brasil 2017
Thiago Forato

Publicado em 28/09/2017 às 12:41:54

A final da Copa do Brasil disputada entre Cruzeiro e Flamengo no Mineirão, nesta quarta-feira (27), rendeu uma audiência recorde à Globo.

Segundo dados do Kantar Ibope, a partida cravou 43 pontos de média e 63% de participação no Rio de Janeiro. Índice não obtido desde 12 de junho de 2014, quando a estreia do Brasil naquela Copa do Mundo deu os mesmos 43.

Se não considerarmos o Mundial, a Globo não dava tanta audiência no RJ com futebol desde a final da Libertadores de 2008, entre Fluminense e LDU, que teve 47 pontos.

Mais longe, considerando apenas Copa do Brasil, o melhor desempenho foi em 2006, com a final disputada entre Flamengo e Vasco, com 51 pontos no Ibope.

Na Grande São Paulo, a final de ontem rendeu 28 pontos de audiência e 43% de share, igualando o recorde do torneio este ano. Índice já registrado em Corinthians x Internacional.

O Cruzeiro se sagrou campeão nos pênaltis, conquistando seu pentacampeonato e deixando o Flamengo, mais uma vez, sentindo o "cheirinho" do título.

A brincadeira do "cheirinho de hepta" após o Brasileirão do ano passado retornou com o "cheiro do tetra" no Rio de Janeiro entre os torcedores, que culminou em mais uma derrota.

Mais Notícias