Ivete Sangalo fala sobre violência contra trans e repercute nas redes

Globo/Ramón Vasconcelos

Publicado em 20/08/2017 às 13:17:28 , atualizado em 20/08/2017 às 13:49:23

Por: Redação NT

A cantora Ivete Sangalo, que foi uma das convidadas do "Altas Horas" deste sábado (19), fez declarações que foram bastante comentadas acerca de preconceito.

Em um debate com Lília Cabral e Carol Duarte, atrizes de "A Força do Querer", que aborda, entre diversos temas, o debate sobre a transfobia, Ivete falou: "Querer assassinar uma pessoa trans é uma tentativa de apagar um arquivo que fala sobre si mesmo".

A cantora teve o apoio de Lília e Carol. A intérprete da Ivana continuou e fez um novo alerta: "Às vezes a delegacia não computa como um crime de transfobia". Para a atriz, nem todos os crimes como este são computados da forma como deveriam - o que faz com que as taxas possam ser muito mais altas do que realmente são.

Ivete, de volta com a palavra, sentenciou: "O que não se compreende é o porquê da vida desse indivíduo incomodar tanto. Por quê? Faça suas escolhas. Deixa que o outro faça suas escolhas. Viva o seu caminho".

As declarações de Ivete repercutiram positivamente no Twitter. Confira:



publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade