Reportar erro
Globo

Novo "Jornal Nacional" impacta telespectadores pela tecnologia; veja detalhes

jornalnacional-novo-19062017(4)_d124e9e504a02f38352df4cea9d6550e333fba9d.jpeg
Reprodução/TV Globo
Fabrício Falcheti

Publicado em 19/06/2017 às 20:55:09

Projeto planejado há três anos,o novo estúdio-redação do "Jornal Nacional" estreou nesta segunda-feira (19) chamando atenção do público na web.

Com 3.405 m² de área construída ao lado da sede da Globo, no Jardim Botânico, Rio de Janeiro, o local reúne em um só lugar a produção de notícias, garantindo maior integração entre as equipes, maior eficiência nos fluxos de informação e agilidade na produção para diversas plataformas.

Agora, a redação passa a ter o dobro do tamanho da anterior, com 1.370m² ocupados por 189 postos de trabalho, 18 ilhas de edição, três de pós-produção, duas cabines de locução e salas de reunião. No centro, está localizado o novíssimo estúdio do "JN", com tecnologia de ponta e totalmente integrado à redação.

Novo \"Jornal Nacional\" impacta telespectadores pela tecnologia; veja detalhes

O vidro de 15 metros em curva, atrás da bancada dos apresentadores, foi desenvolvido exclusivamente para o cenário do telejornal. O material garante a perfeita visão da redação em atividade e está revestido por uma película PDLC, que escurece sincronizada a nove projetores a laser para permitir imagens de excelente qualidade. Uma tela de LED retrátil de grandes proporções no fundo da redação - com 16 metros de largura, três de altura e cerca de três toneladas - faz com que os recursos gráficos do estúdio ganhem efeito 3D e as artes projetadas possam ser vistas por diferentes perspectivas, de acordo com a movimentação das câmeras.

Novo \"Jornal Nacional\" impacta telespectadores pela tecnologia; veja detalhes

Outro trunfo do novo estúdio são as quatro câmeras adaptadas especialmente para o projeto: duas robóticas, uma câmera de trilho de chão, que se desloca em curva acompanhando a linha do cenário, e uma câmera de trilho aéreo, que permite uma visão ampla da redação. Dois braços robóticos, utilizados pela indústria automotiva, foram adaptados para receber duas câmeras que se movimentam em nove eixos, em trajetórias pré-fixadas ou guiadas, por sensores, pelos movimentos dos apresentadores.

“É um estúdio imponente. A identidade visual vem acompanhada de uma razão de ser, associando beleza e funcionalidade. Tecnologia e elementos do cenário trabalham em função da notícia. É uma maneira de levá-la ao público de forma mais clara e rápida e, por que não?, mais bonita também”, declarou a editora-executiva e apresentadora Renata Vasconcellos. “Fiquei encantado quando entrei pela primeira vez no cenário. É emocionante ver o que estava em um projeto gráfico se consumar numa obra física, muito bonita e impactante”, complementou o editor-chefe e apresentador William Bonner.

Novo \"Jornal Nacional\" impacta telespectadores pela tecnologia; veja detalhes

Além da redação, o "Jornal Nacional" também repaginou sua trilha sonora e parte gráfica.

Tudo isso impressionou os internautas. Confira alguns comentários:

Mais Notícias