Serginho Groisman entrevista o médium João de Deus direto de Goiás

Cauã Reymond, Ingrid Guimarães e Arthur Zanetti são os convidados do "Altas Horas"

Fotos: Divulgação/TV Globo

Publicado em 10/09/2016 às 17:07:24

Por: Redação NT

O "Altas Horas" deste sábado (10) exibe uma entrevista que Serginho Groisman fez com o médium João de Deus, direto de Abadiânia, no interior de Goiás.

A pequena cidade recebe milhares de turistas que vão em busca de curas para várias enfermidades, movidos pela fé.

Em uma conversa franca com Serginho, João de Deus explica como realiza suas cirurgias - espirituais e físicas - e um pouco mais sobre sua trajetória. “Eu senti uma energia muito forte lá dentro”, explica o apresentador sobre a Casa Dom Ignácio Loyola, onde são realizados os tratamentos e onde ele recebe, inclusive, muitos estrangeiros.

No palco, Ingrid Guimarães, Cauã Reymond e Arthur Zanetti também falam sobre o assunto. A atriz comenta ter uma relação próxima com a religiosidade e até se lembra dessa característica marcante em Heloísa Périssé, amiga e colega de profissão. “Ela reza inclusive antes das refeições. Nós duas juntas no camarim é uma rezadeira só!”, revela ela  com o bom-humor de sempre.

“Chimbica”, como é chamada carinhosamente pelos amigos de longa data de Goiânia, cidade onde nasceu, Ingrid relata como ganhou o apelido. A brincadeira é resquício da infância, como afirma a atriz, por ser uma criança que andava devagar.

Já entre os amigos de Cauã Reymond, até hoje o apelido que perdura é “Feio”. Mas a plateia do "Altas Horas" discorda do nome, inclusive Mustafary (Marco Luque) ressalta a beleza do ator e desabafa: “Você tem algum defeito? Você não para nem de rir, seja chato, por favor!”.

Um dos protagonistas da série "Justiça", Cauã está muito satisfeito com o resultado desse trabalho, que considera “uma forma diferente de se comunicar com o público”. Ingrid elogia a atuação do colega e, após ver a cena em que Beatriz (Marjorie Estiano) pede a Maurício a prática da eutanásia, solta: “Fiquei sem ar ao ver essa cena, tive que sair da sala para me recompor”.

A emoção e seu controle também são abordados na conversa com o ginasta Arthur Zanetti, medalhista de prata dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Para conquistar os melhores resultados, ele explica que a concentração é um dos itens mais importantes durante uma competição.

Para ele, aproximadamente 70% da preparação é puramente “mental”. “Pode gritar à vontade que não vou escutar nada”, responde à pergunta de Ingrid Guimarães sobre a relação entre o atleta e os torcedores. Da arquibancada, Juliana, namorada de Zanetti, estampa o orgulho de ter visto o namorado competir ao vivo no evento.

Também do alto, estão os músicos Humberto Gessinger, do Engenheiros do Hawaii, e Simoninha. Humberto cumprimenta os conterrâneos do Rio Grande do Sul, presentes na plateia, e entoa sucessos como “O Papa é Pop” e “Era um Garoto que Como Eu”. Já Simoninha traz o ritmo e a batida do samba rock para a arena.

O "Altas Horas" vai ao ar a partir das 23h, na Globo.



COMENTÁRIOS