Público elege os "Melhores do Ano NaTelinha 2015"; confira os vencedores

Publicado em 29/12/2015 às 06:00:11

Por: Redação NT

Chegou a hora do NaTelinha revelar quais foram os melhores da televisão brasileira em 2015, apontados pelos internautas do site em 31 categorias. Neste ano, a premiação recebeu mais de 500 mil votos.

Impulsionados pelo sucesso da novela “Os Dez Mandamentos”, os telespectadores assíduos da Record votaram em peso na premiação de 2015, levando a emissora paulista à vitória em 13 categorias, contra apenas seis triunfos da TV Globo e quatro do SBT.

Na TV por assinatura, o domínio foi da programadora Globosat, vencedora em quatro das cinco categorias destinadas aos canais pagos. “Clube TV”, da TV Brasília, e “Bahia no Ar”, da Record Bahia, se destacaram entre os programas regionais.

O fenômeno “Os Dez Mandamentos”

O resultado da Record foi turbinado pelo sucesso de “Os Dez Mandamentos”. A novela, que chegou à liderança de audiência em diferentes praças, faturou as seis categorias em que concorreu com boa vantagem sobre as demais concorrentes.

[galeria]
Além de “Os Dez Mandamentos” ser apontada como melhor trama, Adriana Garambone e Guilherme Winter foram escolhidos como os melhores atores do ano, e Giuseppe Oristânio faturou a categoria melhor ator/atriz coadjuvante. Vívian de Oliveira foi apontada como melhor autora. E os tão esperados efeitos especiais da novela, como as pragas lançadas sobre o Egito e a abertura do Mar Vermelho, agradaram ao público que escolheu o diretor Alexandre Avancini como o maior destaque técnico e de produção, com uma das mais expressivas votações da premiação deste ano.

Jornalismo também é destaque

Outro destaque da Record foi seu jornalismo. A emissora venceu em cinco categorias. “Jornal da Record” e “Domingo Espetacular” foram apontados como melhor telejornal e melhor programa jornalístico, respectivamente.

Adriana Araújo foi eleita pelo segundo ano como a melhor âncora, deixando para trás fortes concorrentes como Sandra Annenberg, Ricardo Boechat e William Bonner. Heloísa Villela venceu na categoria melhor correspondente internacional, enquanto Luiz Bacci se destacou como melhor apresentador de programa policial, em uma disputa acirrada como Marcelo Rezende.

A emissora também triunfou nas categorias melhor série/minissérie com “Conselho Tutelar” e melhor apresentador/apresentadora com Rodrigo Faro superando Silvio Santos, que o havia derrotado nos anos anteriores.

Profissionais premiados

Se em 2014 o destaque da TV Globo foi a novela “Império”, em 2015 as duas tramas da faixa das 21h, “Babilônia” e “A Regra do Jogo”, não faturaram nenhuma categoria. Mesmo com tramas elogiadas pela crítica, como “Verdades Secretas”, “Além do Tempo” e “Felizes para Sempre”, a emissora carioca só venceu em uma categoria na área de teledramaturgia. A jovem atriz Camila Queiroz, que deu vida a Angel em “Verdades Secretas”, faturou o prêmio de atriz revelação.

Ainda na Globo, os destaques na premiação deste ano foram para os profissionais do jornalismo esportivo. Cléber Machado superou Galvão Bueno em uma disputa acirrada como melhor narrador esportivo. Já Caio Ribeiro levou a melhor na categoria comentarista, ao vencer o polêmico Neto. E Mauro Naves foi apontado pelos internautas como melhor repórter esportivo. Ainda na mesma área, o “Globo Esporte” venceu como o melhor programa esportivo.

A sexta vitória da TV Globo foi a da jornalista Sônia Bridi, escolhida como a melhor repórter nacional. O desempenho da maior emissora do país em 2015 ficou abaixo ao do ano anterior, quando a Globo se sagrou vitoriosa em nove categorias.

Tradição

Dois programas tradicionais do SBT se destacaram mais uma vez no “Melhores do Ano NT”: O “Programa Silvio Santos” venceu o “Hora do Faro” na disputa mais acirrada do ano, com uma diferença de apenas 273 votos. Já “A Praça é Nossa” mais uma vez desbancou os concorrentes “Encrenca”, “Pânico”, “Zorra” e “Tá no Ar: a TV na TV” com seu clássico humor.

Ainda na emissora de Silvio Santos, o talk show “The Noite”, de Danilo Gentili, venceu novamente. A atração foi a escolhida por 50,03% dos votos como melhor programa de entrevistas/entrevistador. Por fim, a jovem Larissa Manoela, que está se destacando ao viver as gêmeas protagonistas de “Cúmplices de um Resgate”, foi apontada como a melhor atriz mirim/adolescente de 2015.

O reality do ano

Única vitória da Band neste ano, o “MasterChef” levou a categoria de melhor reality show, ao superar “A Fazenda”, “Batalha dos Confeiteiros”, “The Voice” e “Big Brother Brasil”. Ao contrário de 2014, quando sua primeira temporada obteve quase 90% dos votos, neste ano a competição vencida por Izabel teve uma disputa bem mais acirrada e fechou com 30,52% dos votos. O grande sucesso do reality, que ampliou sua audiência e faturamento em 2015, levou a emissora a formatar uma versão mirim da disputa, exibida recentemente, e a garantir a terceira temporada com adultos para o ano que vem.

Predomínio da Globosat

Na TV paga, o destaque foi para a Globosat. Em 2014, a programadora havia vencido em apenas uma categoria. Já neste ano, levou a melhor em quatro das cinco disputas. Na área esportiva, o canal SporTV faturou três prêmios: “Redação SporTV” foi apontado como melhor programa esportivo, Milton Leite como melhor narrador e Maurício Noriega como melhor comentarista, derrotando nomes de peso como Mauro Betting, Paulo Vinícius Coelho e Paulo Calçade.

O Multishow, da mesma programadora, venceu com o humorístico “Vai que Cola”, apontado como melhor programa nacional por cerca de 60% dos internautas. A vitória reflete a boa fase que vive a atração, que atingiu em 2015 sua maior audiência desde a estreia em 2013.

Na área de jornalismo e documentários, o destaque ficou por conta do Discovery Channel. A série documental “Águias da Cidade”, que chegou a ser exibida no início do ano pelo SBT, faturou o prêmio de melhor produção jornalística e de documentário, com 44,75% dos votos, superando o “Em Pauta”, uma das maiores audiências da Globo News.

TV local

Nas categorias específicas para a TV local, dois indicados reincidentes conseguiram levar o prêmio. O "Clube TV", apresentado por Arthur Luís na TV Brasília/RedeTV!, venceu como melhor programa local em sua segunda indicação seguida - a atração foi citada em 2014, mas na ocasião perdeu -. Desta vez, a atração de entretenimento desbancou o "A Bahia que a Gente Gosta", ancorado por Ana Paula Farias na Record Bahia, com 41,8% dos votos.

E na categoria de melhor telejornal local, o "Bahia no Ar", apresentado por Jéssica Senra na Record Bahia, faturou o prêmio numa revanche com o "SPTV 1ª Edição", da Globo São Paulo. O noticiário baiano também havia sido indicado no "Melhores" do ano passado e perdido justamente para o "SPTV". Agora, venceu com 33% dos votos, confirmando a boa fase de Jéssica Senra.

Confira o resultado completo do “Melhores do Ano NaTelinha 2015”:

[video]

Melhor novela

Os Dez Mandamentos - Record - 62,50% dos votos

Melhor atriz    

Adriana Garambone (Yunet, de Os Dez Mandamentos) - Record - 47,75 % dos votos

Melhor ator    

Guilherme Winter (Moisés, de Os Dez Mandamentos) - Record - 59,38% dos votos

Melhor ator ou atriz coadjuvante    

Giuseppe Oristânio (Paser, de Os Dez Mandamentos) - Record - 52,02% dos votos

Melhor ator ou atriz revelação    

Camila Queiroz (Angel, de Verdades Secretas) - Globo - 53,62% dos votos

Melhor ator ou atriz mirim/adolescente    

Larissa Manoela (Manuela e Isabela, de Cúmplices de um Resgate) - SBT - 51,33% dos votos

Melhor série ou minissérie nacional

Conselho Tutelar - Record - 43,30% dos votos

Melhor autor de TV    

Vivian de Oliveira (Os Dez Mandamentos) - Record - 57,90% dos votos

Maior destaque técnico/produção    

Os Dez Mandamentos - Alexandre Avancini - Record - 66,27% dos votos

Melhor apresentador ou apresentadora    

Rodrigo Faro - Record - 38,82% dos votos

Melhor programa de auditório    

Programa Silvio Santos - SBT - 34,13% dos votos

Melhor reality show    

MasterChef - Band - 30,52% dos votos

Melhor programa humorístico    

A Praça é Nossa - SBT - 35,01% dos votos

Melhor telejornal    

Jornal da Record - 44,97% dos votos

Melhor âncora    

Adriana Araújo - Record    - 37,64% dos votos

Melhor programa jornalístico    

Domingo Espetacular - Record - 42,89% dos votos

Melhor repórter nacional    

Sônia Bridi - Globo - 44,06% dos votos

Melhor correspondente internacional

Heloísa Villela (Record - EUA)    - 44,12% dos votos

Melhor programa de entrevistas/entrevistador    

The Noite - Danilo Gentili - SBT - 50,03% dos votos

Melhor programa esportivo    

Globo Esporte - Globo - 28,25% dos votos

Melhor narrador    

Cléber Machado - Globo - 32,22% dos votos

Melhor comentarista de futebol    

Caio Ribeiro - Globo - 32,71% dos votos

Melhor repórter esportivo    

Mauro Naves - Globo - 42,41% dos votos

Melhor apresentador de programa policial

Luiz Bacci - Record - 36,75% dos votos

Melhor programa nacional de TV paga

Vai que Cola - Multishow - 59,62% dos votos
                
Melhor programa jornalístico/documentário de TV paga


Águias da Cidade - Discovery Channel - 44,75% dos votos

Melhor programa esportivo de TV paga

Redação SporTV - SporTV    - 34,18% dos votos

Melhor narrador esportivo de TV paga    

Milton Leite - SporTV - 45,54% dos votos

Melhor comentarista esportivo de TV paga    

Maurício Noriega - SporTV - 27,83% dos votos

Melhor programa local    

Clube TV - Arthur Luís - TV Brasília/RedeTV! - 41,85% dos votos

Melhor jornal local

Bahia no Ar - Jéssica Senra - Record Bahia - 33,01% dos votos



COMENTÁRIOS