Reportar erro
Notícias

Anatel quer colocar fim a interferências na TV via satélite; entenda

Lei não foi cumprida em três anos

televisao-criancas.jpg
Sinal ainda não chega limpo na casa do telespectador - Foto/Ilustração
Thiago Forato

Publicado em 17/07/2015 às 13:42:10

Com o crescimento de TV via DTH, ou seja, por satélite, foram constatadas vários interferências no sinal, prejudicando sua qualidade, de acordo com informações da Superintendência de Outorga e Recursos à Prestação da agência Anatel.
 
Acontece que os sistemas digitais para aplicações ponto-a-ponto estão fora dos padrões estabelecidos, que usam a faixa de 10,7GHZ a 11,7GHZ, que passaram a operar em caráter secundário devido a descumprimento de lei.
 
O objetivo é acabar definitivamente com essa interferência. A Anatel constatou que muitos dos enlaces nesta faixa foram instalados com uma distância abaixo do ideal entre o transmissor e o receptor, o que acarreta a interferência no uso de antenas. 
 
Para isso, operando em caráter primário, em julho de 2012 uma distância mínima de implantação de rádios ponto-a-ponto foi implantada: 12 km. O prazo determinado para que isso fosse cumprido era de três anos. Isto é, já expirou.
 
Agora, voltaram a operar em caráter secundário e a Anatel fará valer a lei para tentar fazer com que o sinal chegue mais limpo na casa do telespectador.