Reportar erro
Notícias

Nicole Bahls sobre Marlene Mattos: "Quando me ligou, achei que fosse trote"

Contratada, ex-Panicat muda seu estilo de roupas e passa a estudar mais

nicole-balhs-demissao.jpg
Divulgação
Fabrício Falcheti

Publicado em 20/04/2015 às 18:32:07

Contratada por Marlene Mattos para ter um programa de boa forma no canal E+TV, Nicole Bahls está mudando.

Incentivada pela diretora, a ex-Panicat não quer mais falar sobre sua vida pessoal e nem se exibir com roupas curtíssimas.

Em entrevista ao jornal Extra, Nicole falou sobre sua nova fase e também se lembrou do "Pânico".

Sobre sua saída do humorístico, no final do ano passado, ela disse: "Estava me sentindo inquieta, parada, não podia dar opinião, não estava gravando direito, e acho que precisava de algo mais que aquilo. Mas fui muito feliz lá, o 'Pânico' foi o primeiro lugar que me deu oportunidade de trabalhar na TV, era como se fosse uma família, foram cinco anos juntos. Não tenho mágoa".

Nicole contou como foi seu encontro com Marlene Mattos e confessou que a primeira ligação achou que fosse um trote: "A Marlene me viu num programa e eu falei uma besteira. Quando ela me ligou, achei que fosse trote. Porque a Marlene Mattos é uma pessoa muito distante da minha realidade. Costumo dizer que ela é uma diretora de grife. Existem marcas e grifes. Ela é uma grife. É muito bom estar ao lado de alguém com tanto peso. Se algo der errado, a culpa é só minha".

Preparando seu novo programa, a beldade conta que está mais segura agora e estuda por exigência da diretora: "Sou uma Nicole mais segura, estou estudando muito, porque a Marlene exige isso. Leio mais, tenho que bater o texto antes, entrevisto ela primeiro para depois ver como vai ser. Não levo esporro, mas ela cobra".

Nicole Bahls confirmou que Marlene é quem pediu que ela fosse mais comportada. Mas faz uma ressalva: "A Marlene não quer tirar meu lado sexy. Mas tem como ser sexy sem mostrar tanto. Não vou virar uma Nicole freira".

Fora do "Pânico", agora Nicole acredita que está sendo mais respeitada. "Já tive uma exposição enorme, já passei por isso também por conta do trabalho. No 'Pânico' era uma exigência usar roupa curta. Comecei de biquíni e depois de vestido curto, que é apenas um biquíni mais comprido. Lá não podia usar um vestido mais comprido até o joelho. Era aquela coisa 'vamos provocar esses adolescentes, vamos causar, você é uma sex symbol'”, contou.

Por fim, ela falou sobre a polêmica levantada de que seria garota de programa. "Tenho um pouco de nojo disso, sabe? Quando rolou esse papo foi a Dani Bolina que disse que as meninas faziam programas no 'Pânico'. Lembro que nessa época minha avó, que é a base de tudo na minha vida, estava nas últimas com câncer. Tive que deixá-la no hospital e fui trabalhar. Enquanto estava lá sorrindo e rebolando com um biquíni enfiado na b... pensei: 'O que eu estou fazendo aqui?'. Eu chorava por dentro", finalizou.

No E+TV, Nicole Bahls apresentará o programa "Corpo em Forma" e visitará nutricionistas, academias e tudo o que for relativo ao bem estar das pessoas. A atração ainda não tem previsão de estreia no canal, que por enquanto é exibido apenas pela Net Rio de Janeiro, Niterói, São Gonçalo e Campos, porém promete chegar em breve nas operadoras Sky, GVT TV, OiTV, Claro e Vivo TV.