Notícias

Band Rio fará debate para governador com "Twittômetro" e WhatsApp


62b858fb351935988dacf30b4e1db8d0.jpg
Divulgação

Prestes a realizar o primeiro debate da corrida eleitoral pelo Governo do Rio de Janeiro, a Band Rio trará algumas novidades na sua realização, em 14 de agosto.

Segundo informações enviadas pela própria emissora, haverá uma tecnologia já testada nos EUA, mas inédita em debates políticos no Brasil. Trata-se do “Twittômetro”, espécie de termômetro na tela que mede quem é o candidato mais comentado no Twitter.

Coordenador de notícias e política do Twitter Brasil, Leonardo Stamillo fala em parceria pioneira e avisa: a tecnologia vai deixar o telespectador com a sensação de estar dentro do debate. “Vai ser possível pedir para os candidatos explicarem melhor uma proposta ou apresentar mais informações sobre uma situação que acabou de ser discutida. Será, com certeza, um dos grandes momentos desta eleição”, diz.

Além do apoio do microblog, a emissora contará com um número de WhatsApp, onde o público poderá fazer perguntas para os políticos ou pedir para que eles expliquem melhor um assunto.

A mediação do debate será do jornalista Sérgio Costa, e ele será transmitido também pela Band News FM do Rio de Janeiro. "A Band é sempre a emissora que estreia os debates de governador, no primeiro turno, em todo o Brasil. A ideia de fazer esse debate fora da emissora, no Teatro Casagrande, com o peso político que esse palco carrega, coroa um trabalho de 18 anos. Buscamos o teatro justamente por sua tradição em debates e encontros políticos. O lugar está à altura do formato inovador que estamos lançando”, afirma Rodolfo Schneider, diretor de jornalismo da Band Rio.

O debate tem a confirmação dos cinco principais candidatos ao governo do RJ: Anthony Garotinho (PR), Luiz Fernando Pezão (PMDB), Lindberg Farias (PT), Marcelo Crivella (PRB) e Tarcisio Motta (PSOL).