"Minha vida virou um inferno", diz 'sedutora' do "Teste de Fidelidade"

Atriz publicou um vídeo com denúncias sobre o programa da RedeTV!; NaTelinha conversou com ela

Reprodução

Publicado em 05/08/2013 às 22:15:38

Por: Sem autor

Uma vídeo caiu como uma bomba na madrugada desta segunda (5) no YouTube e nas redes sociais.

Priscila Vilela, que participou de uma das edições do “Teste de Fidelidade”, na RedeTV!, como "sedutora", fez graves denúncias contra o canal e contra o programa comandado por João Kleber.

Priscila disse que a atração é armada e gravada como uma novela: “Aquilo ali não é câmera escondida. É uma novela. A câmera fica na sua cara e o microfone é colocado nas nossas costas. É muito claro que é armado. Eu fiquei amiga do testado, para você ter uma noção", disse em um trecho do vídeo.

Ela pede seu cachê, que segundo apurações do NaTelinha, é de 600 reais.

Segundo Priscila, o dinheiro não foi pago, pois ela não aceitou dormir com o diretor da atração, Rafael Paladia: “Eu sei muito bem porque o diretor não quis me pagar. É porque eu não aceitei fazer o teste do sofá. Ele me falou que já pegou todas as 'sedutoras'. Toma vergonha na cara, RedeTV!”.

Ela também relatou que a emissora tem uma “ficha rosa” de modelos que se prostituem. “Eles fazem as meninas serem o que não é. Vocês acham mesmo que assistentes de palco, que ganham um cachê miserável, tem aquilo tudo por que?”, falou.

O NaTelinha entrou em contato com Priscila Vilela, que reforçou tudo o que disse no vídeo e comentou que sua vida virou um inferno: “Nossa, minha vida virou um inferno, sabe? Mas não ligo, o que é errado é pra se mostrar mesmo, pra que outras pessoas não caiam”.

Ela ainda ressaltou as acusações contra o diretor do programa: “O diretor queria que eu transasse com ele, isso foi bom pra ele aprender, e não só ele, mas todo mundo ver que ainda tem gente decente no mundo. Eu não preciso me prostituir pra trabalhar na TV e ele só não me pagou por causa disso”.

Procurada, a RedeTV! divulgou seu posicionamento sobre o caso: "A produção do programa 'Teste de Fidelidade' informa que atua com absoluto profissionalismo e manifesta perplexidade e repúdio em relação à postura da artista. Além disso, o cachê da atriz foi regularmente pago nos termos avençados, conforme recibo assinado, em poder da produção. Informa ainda que serão adotadas as medidas judiciais cabíveis".

Assista ao vídeo:



COMENTÁRIOS