Reportar erro
Notícias

Danilo Gentili e Jean Wyllys discutem feio por conta de movimento gay

img20130110213057.jpg
Fotos: Divulgação
Redação NT

Publicado em 11/01/2013 às 01:27:07

Danilo Gentili resolveu causar mais uma vez na noite desta quinta-feira (10). O apresentador do “Agora é Tarde” fez uma crítica a um dos discursos do movimento gay, em seu Twitter.
 
“E esse dado da Ong Gay aí que ’1 gay é morto a cada 26 hs’? 140 heteros são mortos a cada 24 hs. Alguém aí come meu c* hj? Só por segurança”, disse o humorista.
 
O deputado federal e um dos defensores mais ferrenhos da causa gay no país, Jean Wyllys, não gostou do comentário de Danilo Gentili e o retrucou, também em sua página na rede social.
 
“Viram que ’pérola’? E me dói imaginar que corações e mentes de muitos jovens estão entregues apenas a esses ’papas’ do humor no Brasil”, disparou.
 
Danilo Gentili não se intimidou com os comentários do ex-BBB e decidiu rebater a crítica.
 
“O @jeanwyllys_real já reparou que nunca te enchi o saco pelos milhares de BOSTA q eu acho que vc fala? Pq acho q tem o direito de dize-las. Então faz assim @jeanwyllys_real vai falar suas BOSTAS em paz pra lá e eu falo as minhas em paz aqui. Xispa. Xô xô...passa... passa.... Aí tem @jeanwyllys_real , EX-BBB e DEPUTADO, ou seja, as duas coisas mais indignas no Brasil, querendo pagar de moral. Fala sozinho aí, vai”, disse, causando espanto em muitos seguidores.
 
Gentili não se deu por satisfeito e falou mais ainda: "Aí tem @jeanwyllys_real , EX-BBB e DEPUTADO, ou seja, as duas coisas mais indignas no Brasil, querendo pagar de moral. Fala sozinho aí, vai. E digo mais, vou sair e tomar um café. Se eu voltar e o EX-BBB @jeanwyllys_real tiver enchendo o saco ainda vou jogar uma buceta nele".
 
Por fim, Jean Wyllys respondeu: “E sabem o que acho interessante: é ver o papa do humor (?!) se estrebuchando de mau-humor quando questionado e contrariado. O humor (?!) que eu ouvia na 4ª série do Ensino Fundamental - aquele que fala em "cu", "buceta", "viado" - já me entediava naquela época...“.