Notícias

Sem divulgação, Record reestreia "SP Record"


img20120515091952.jpg
Divulgação/TV Record
A Record mais uma vez pegou seus telespectadores de surpresa com as constantes alterações em sua grade de programação.

Na noite desta segunda-feira (14), a mudança ficou por conta do relançamento inesperado do "SP Record". O jornal estava extinto desde outubro, quando deixou a grade sob a justificativa de "férias" e com promessa de retorno para após o término dos Jogos Pan Americanos de Guadalajara - os quais foram encerrados há aproximadamente sete meses.

O "SP Record" foi ao ar na faixa das 20h e antecipou a exibição de "Rebelde", que voltou a ter o mesmo horário tanto para São Paulo como para as outras praças. Com a ausência de um jornal local, a novela de Margareth Boury seguia até as 20h30 na capital paulista mas se encerrava por volta das 20h no resto do Brasil.

Não houve mudanças no formato do "SP Record" se comparado ao que era veiculado até o fim do ano passado. Notícias policiais predominaram o jornalístico, que também teve seu logotipo e cenário mantidos.
 
Reinaldo Gottino, âncora do "SP Record", comemorou a volta do jornal. Em seu Twitter, o jornalista publicou: "Feliz em ser lembrado pela direcao da Record para ocupar parte da programacao de uma das maiores emissoras do pais".

O "SP Record" irá ao ar de segunda a sexta, às 19h55.