Globo perde os direitos dos textos de Dias Gomes

Novela como "Roque Santeiro" não pode ganhar nova versão na emissora carioca

Roque Santeiro - Divulgação

Publicado em 20/06/2011 às 13:03:43

Por: Redação NT

A Globo perdeu os direitos dos textos de todas as novelas escritas por Dias Gomes (1922-1999). Agora, eles pertencem aos cinco filhos do novelista.

Com isso, a Globo não poderá mais produzir uma nova versão de novelas e minisséries do autor, sem autorização da família.

Porém, a emissora continua com o direito de reprisar obras já exibidas anteriormente, como "Roque Santeiro" (1985), "O Bem-Amado" (1973), "Saramandaia" (1976), "O Pagador de Promessas" (1988), "Araponga" (1990) e "As Noivas de Copacabana" (1992).

"Roque Santeiro" já será transmitida no canal Viva a partir de julho.

Os direitos sobre os textos expiraram há mais de dois anos, mas só agora voltaram para os herdeiros, já que somente no último mês de maio ficou pronto o inventário da morte de Dias Gomes.

Agora, os filhos do autor negociam os direitos sobre os textos com outras emissoras, como o SBT. Vale lembrar que Renata Dias Gomes, neta do novelista, é colaborador de Tiago Santiago em "Amor e Revolução".

Alfredo Dias Gomes, filho do dramaturgo e um dos herdeiros, confirma as negociações e disse estar chateado com a Globo. “Estamos, sim, negociando com outras emissoras, porque é uma falta de respeito o que a Globo vem fazendo com as obras do meu pai. Em dez anos, o que eles fizeram com as novelas que tinham direito? Nada”, disse ao colunista Daniel Castro.

E complementa: “Se a TV Globo é o que é hoje, é graças ao meu pai e minha mãe [Janete Clair, 1925-1983]”.

Alfredo ainda disse que o valor oferecido pela Globo para manter os direitos sobre os textos foi “irrisório”.

“Eles ofereceram um valor muito abaixo do que o mercado pode pagar. Estão fazendo o mesmo que fizeram com as novelas radiofônicas da minha mãe, que acabamos vendendo para o SBT”, desabafa.

"Vende-se um Véu de Noiva", exibido em 2009, é um texto de Janete Clair e foi adaptado por Íris Abravanel.

Alfredo Dias Gomes confirmou também o interesse da rede mexicana Televisa e de uma produtora de Los Angeles para fazer um filme independente baseado na peça de teatro Santo Inquérito.



publicidade

COMENTÁRIOS