Se defendeu

Ex-empresária de Anitta rebate acusação de drogar cantora antes dos shows

Kamilla Fialho participou de um bate-papo de duas horas no Bulldog Show


Montagem de fotos de Kamilla Fialho e Anitta olhando para frente
Kamilla Fialho desmentiu algumas informações sobre o período em que caminhou com Anitta - Reprodução/Instagram
Por Jéssica Alexandrino

Publicado em 27/07/2022 às 15:08:49,
atualizado em 27/07/2022 às 15:24:58

Kamilla Fialho, ex-empresária de Anitta, participou do podcast Bulldog Show e esclareceu algumas polêmicas em torno de sua relação profissional com a dona do hit Envolver. Além de contar sua trajetória e falar das brigas que teve com a cantora, a convidada de Tuka Carvalho e Vivy Tenório desmentiu algumas informações do livro Furacão Anitta, escrito por Leo Dias.

Em determinado momento da entrevista, Kamilla lembrou de um trecho da biografia não autorizada, lançada em 2019, que diz que ela colocava droga na bebida da famosa para fazer shows. “No livro tá dizendo que eu colocava droga na bebida dela pra ela fazer o show. Sabe o que ele (o escritor) estava se referindo? A ela ir a um nutrólogo, nutricionista, que provavelmente dava algum tipo de suplemento porque ela fazia muitos shows, era esse o rolê, e virou ‘Kamilla coloca droga na bebida da Anitta’", reclamou.

A empresária destacou que sempre saía em desvantagem em relação às notícias porque, dos três envolvidos, ela é a única que não é famosa. Kamilla também disse que muito do que foi dito a seu respeito tinha como único motivo a geração de cliques e afirmou que só se tornou "persona non grata" porque o papel dela era justamente blindar seus artistas desse tipo de jornalista.

Kamilla Fialho diz que não se envolvia nos namoros de Anitta

Kamilla Fialho sentada e sorrindo entre Tuka Carvalho e Vivy Tenório

Ainda no bate-papo, Kamilla Fialho fez questão de dizer que não teve nada a ver com o relacionamento de Anitta com Tuka Carvalho. "Quando eles se envolveram, eu não tinha nada a ver com isso. Eu não me meto em quem os artistas pegam ou deixam de pegar, não chego nesse grau de envolvimento."

"O que falaram pra mim naquela época foi que eu fiz o Tuka e a Anitta namorarem, sendo que o Tuka, quem conhece sabe que tem personalidade um tanto quanto forte, a Anitta nem se fala. Como eu vou botar duas pessoas com personalidade tão forte pra namorarem estrategicamente? Fica muito difícil desmistificar", lamentou.

A loira disse que passou um inferno entre 2014 e 2018 e que, no meio em que vive, as pessoas não gostam de procurar as outras para conversar e resolver nada. "Eu ganhava duas horas tendo que contar a minha versão dos fatos em cada reunião que eu fazia", relatou, acrescentando que tudo o que ela fazia relacionavam à Poderosa.

"Ele tinha uma tara em me transformar em uma subcelebridade de qualquer maneira, nem eu conseguia entender", completou, ainda falando de Leo Dias. "Vivi isso durante esse tempo todo, nunca monetizei pra isso, tentava me esconder de todas as formas, ficar ali intocada... Me fodia", disparou Fialho, que também revelou não ter mais contato com as cantoras Lexa e Rebecca.

Confira a entrevista completa:

Logo Superviral
Se for SURPREENDENTE, é SUPER VIRAL.

Aqui você encontrará os assuntos mais interessantes do momento e conteúdos incríveis. Bichos, fatos históricos, lendas urbanas, viral e muito mais. No Super Viral, o inusitado acontece!

Confira
Mais Notícias
Outros Famosos