Médicos explicam

Hérnia de disco tem cura? Entenda a lesão de Wesley Safadão

Cantor teve que se afastar dos palcos por conta das dores nas costas; especialistas explicam motivo das lesões


Wesley Safadão em foto publicada no Instagram;
Wesley Safadão em foto publicada no Instagram; cantor usou as redes sociais para falar sobre lesão

Na última sexta-feira (1º), Wesley Safadão recebeu alta do hospital após tratar uma hérnia de disco. No último mês, o cantor foi acometido por fortes dores na região da lombar e precisou cancelar uma série de shows no Brasil para se recuperar. Apesar de assustar os fãs do forrozeiro, a lesão é relativamente comum na população adulta e tem cura. No caso do músico, ele precisou fazer um procedimento para diminuir as dores, mas medicamentos e fisioterapia já podem ajudar nos incômodos. 

Nas redes sociais, o cantor deu mais detalhes sobre sua condição de saúde. Pela primeira vez, ele sentiu sua coluna travar em 21 de junho antes de um show na cidade de Assú, no Rio Grande do Norte. "Eu travei minha coluna. Uma dor inexplicável, inegociável, só quem tem hérnia de disco, uma hérnia extrusa, como é o meu caso, pode sentir e imaginar a dor que é, que até para respirar dói demais. Eu consegui fazer o show da terça, da quarta, da quinta, e na sexta-feira, em Campina Grande, o Dennis DJ tocando no São João, e eu no camarim chorava com muita dor. Eu fiquei o camarim inteiro chorando ali, não conseguia respirar, me desesperava porque quando eu tentava respirar, doía", contou Safadão.

Preocupado, ele foi até Fortaleza para fazer uma ressonância magnética e, no domingo seguinte, viajou até São Paulo para se consultar com um médico conhecido. Lá, ele teve que fazer um procedimento com o uso de agulhas para tentar conter parte da dor. Porém, a intervenção não foi suficiente para ajudá-lo, e o músico precisou ficar internado. 

Em entrevista ao NaTelinha, dois neurocirurgiões explicam o que pode acontecer para que alguém possa adquirir a lesão. "A hérnia de disco pode ser ocasionada por um esforço ou movimento brusco ou mesmo após um movimento banal quando a coluna vertebral sofre pequenos traumas devido a esforços ou movimentos da vida cotidiana ao longo de anos", explica Flávio Assad Garcia, que é chefe do serviço de Neurocirurgia do Hospital São Vicente de Paulo (RJ). 

Já Marco Aurélio Braz de Lima, chefe do serviço de Neurocirurgia do Hospital São Francisco na Providência de Deus (RJ), explica que até mesmo uma predisposição do paciente pode levá-lo a sentir dores: "Essa predisposição, associada aos maus hábitos, pode causar uma hérnia de disco", relembra. 

Eles ainda concordam quanto ao primeiro tratamento que deve ser realizado: "A cirurgia deve ser indicada depois de uma avaliação clínica e de imagem, raios x e, principalmente, ressonância magnética, e após um período razoável de tratamento conservador. Não se indica o procedimento logo no início da doença, com raras exceções", reforça Flávio.

imagem-texto

Hérnia de disco em Wesley Safadão

No caso do forrozeiro, no entanto, ele precisou de uma intervenção profissional em 27 de junho após as dores terem voltado. A assessoria de imprensa, porém, não revelou que se ele foi submetido a uma cirurgia no final do mês passado. 

De acordo com o especialista Braz de Lima, a cirurgia realmente acontece em pouquíssimos pacientes: "Ela é  só é necessária em 7% dos casos de hérnia de disco e pode ser realizada em qualquer estágio desde que o paciente tenha os critérios protocolares de indicação cirúrgica preenchidos", finalizou. 

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias
Outros Famosos