Reportar erro
Problemas à vista

Kanye West é acusado de roubar tecnologia e dever 10 milhões de dólares

Mais um problema para a conta do presidenciável

Kanye West
Kanye West tem mais um problemão para resolver - Divulgação
Redação NT

Publicado em 26/08/2020 às 09:11:16

Kanye West recebeu mais más notícias em meio a sua longa corrida presidencial. Tudo porque uma empresa entrou com um processo contra ele por não pagar por vários serviços.

A MyChannel Inc. alega em seu processo que West fez os funcionários da empresa trabalharem longas horas em sua marca Yeezy e em seus programas de serviço de domingo a domingo, enquanto prometia investir milhões de dólares na empresa, segundo o site TMZ.

A empresa alega que West se afastou após apenas seis meses de trabalhar sem pagar, enquanto roubava parte de sua tecnologia para usar em suas apresentações.

No processo, a equipe do MyChannel diz que, a pedido de Kanye com a promessa de uma parceria financeira significativa, mudaram a sede da empresa do estado da Pensilvânia para a Califórnia e depois para Illinois. Além disso, afirma nunca ter sido paga pelos US$ 7 milhões em trabalho que realizou para a Yeezy Apparel.

O processo ainda inclui que depois que as negociações com West fracassaram, os proprietários da MyChannel perceberam que sua tecnologia foi prontamente copiada e utilizada para vender mercadorias nos vídeos do Saunday Survice.

Kanye West para presidente

Aos 43 anos, o músico tenta a candidatura à presidente dos Estados Unidos, que ocorre este ano. E quer Jay-Z para ser vice. Seu adversário deve ser o atual presidente Donald Trump, que deve tentar a reeleição. O primeiro compromisso de West como candidato aconteceu há 40 dias.

O músico vinha demonstrando interesse em ser presidente desde 2015.

TAGS:
Mais Notícias
Outros Famosos