Dificuldade materna

Grávida novamente, mulher de Alok desabafa sobre amamentação: "Fiquei mal"

Romana Novais também relembrou aborto espontâneo que teve em 2018

Grávida novamente, mulher de Alok desabafa sobre amamentação:
Romana Novais e Alok esperam o segundo filho

Publicado em 24/07/2020 às 12:29:00

Por: Redação NT

Grávida do segundo filho, Romana Novais, mulher de Alok, abriu o coração e contou sobre dificuldades que teve na amamentação de seu primeiro filho, Ravi. Em entrevista por live para a Vogue na noite da última quinta-feira (23), a médica afirmou que não foi fácil o processo de produção de leite e que agora está mais tranquila, mas que, na época, passou sufoco.

"Não foi fácil o processo da amamentação, foi a parte que mais me pegou. Agora respeito meu corpo, sei que não foi da minha vontade, eu não queria parar, se pudesse estaria amamentando até hoje. Mas sei que fiz tudo que podia. É um assunto que ainda mexe comigo. Logo descobri que estava grávida de novo a produção de leite caiu. O Ravi exigia muito de mim. De dia eu conseguia, mas a noite não. Fiquei mal e o Alok me apoiou muito", contou Romana.

Na última semana, ela e Alok anunciaram nas redes sociais que estão esperando mais um herdeiro. Para a segunda gestação, Romana está mais animada.

"Agora estou super bem, já entendi. Estou feliz, tem uma vida dentro de mim, vou dar meu máximo de novo. Acho que nesta próxima estarei mais firme e forte e espero conseguir amamentar", afirmou.

Na transmissão ao vivo , Romana ainda contou sobre outra parte difícil de sua vida. Em 2018, a jovem sofreu um aborto espontâneo e teve de passar por uma fase de superação.

"Fiquei um ano me preparando psicologicamente para entender, como médica sei que é normal, que muitas mulheres passam por isso. Fiz terapia, ressignifiquei a minha dor, tentei enxergar o propósito disso. A gente nem estava pensando engravidar na época, estava terminando minha faculdade e foi um susto. Mas foi nesse susto que eu e Alok percebemos que queríamos mesmo ficarmos juntos. Prefiro acreditar que tudo tem um motivo", relembrou.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!