Hit de 2016

Ana Vilela ironiza críticas contra música Trem Bala: "Infelizmente terei que continuar cantando"

Cantora usou as redes sociais para rebater os haters

Ana Vilela ironiza críticas contra música Trem Bala:
A cantora Ana Vilela rebateu críticas nas redes sociais - Foto: Divulgação

Publicado em 30/06/2020 às 13:28:35 ,
atualizado em 30/06/2020 às 14:02:27

Por: Redação NT

A cantora Ana Vilela tornou-se um dos nomes mais falados no cenário musical no ano de 2016. É dela a música Trem Bala, que embalou a trilha sonora de várias pessoas e que foi cantada por vários artistas durante apresentações. Na última segunda-feira (29), a canção voltou a ser assunto e Ana rebateu críticas recebidas pelo hit.

“Tá bom gente já entendi que vocês acham Trem Bala ruim. É que ela me dá bastante dinheiro então infelizmente terei que continuar cantando mas você sempre tem a opção de CHOLAR MAIS”, disparou ela no Twitter, ironizando as críticas recebidas.

A polêmica seguiu nas redes sociais e Ana pediu para que os que estivessem criticando fossem ouvir os seus outros álbuns. “Importante dizer que eu tenho mais dois álbuns pra vcs acharem chatos", retrucou. Em meio as críticas, teve famoso que preferiu defender a cantora. “Ana, acontece com tudo que faz um sucesso estrondoso. Seu único defeito foi hitar demais. Parabéns”, escreveu o apresentador Gregorio Duvivier.

Declaração para a namorada

Muito apaixonada, Ana Vilela já usou as redes sociais para se declarar para a namorada na época, Rafaela. “Eu te conheci com 14 anos e nenhuma noção do mundo. Foi lindo e difícil, intenso e doloroso, perfeito e conturbado. As pessoas certas no momento errado. A gente precisava conhecer o mundo, entender a vida, olhar pra fora, pra dentro, pro outro. Fomos, separadas, aprendendo com a vida e nos preparando pro que eu acredito que sempre esteve escrito: nós”, escreveu a artista.

“O tempo passou, e apesar de tudo você continua tão em mim que é até capa do meu disco, né? Ontem você me disse que queria fazer isso direito. Que queria cuidar bem de nós, e eu te diria sim pro resto da vida se você quisesse. E a gente tem tudo pra ser infinito. Sempre teve. Já disse, mexerica: Agora só paro de te namorar quando for sua vez de dizer sim”, revelou a Vilela.





LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!