Nas redes

Marcelo Adnet rebate seguidora após crítica sobre suposta traição

Humorista se defendeu

Marcelo Adnet rebate seguidora após crítica sobre suposta traição
Marcelo Adnet - Foto: Reprodução

Publicado em 11/03/2020 às 17:15:33

Por: Redação NT

Nesta quarta-feira (11), Marcelo Adnet usou as redes sociais para rebater uma seguidora que fez uma crítica sobre uma suposta traição que ele teria cometido à mulher, Patrícia Cardoso.

"Esse Marcelo Adnet critica tanto o presidente, mas sempre mau-caráter com as mulheres. Vai entender... Sempre traindo as esposas e expondo as mesmas na mídia. Quando se aponta um dedo tem quatro apontado para si!", escreveu a internauta.

Ao se deparar com o comentário, o contratado da Globo não ficou calado, e resolveu rebater, fazendo sua defesa. "Não traí. Nós estávamos separados. Ela também ficou com outras pessoas. Ponto", explicou.

Marcelo Adnet se defende de acusações de traição

Ainda no Twitter, outro seguidor resolveu questionar o famoso sobre o motivo dele ter se manifestado sobre o ocorrido, e Adnet novamente voltou a responder, destacando que tudo não passa de mentiras, e que se algo é dito muitas vezes, acaba virando "verdade".

"Porque mentem e vão mentindo até isso virar uma 'verdade'. Não gosto de falar de vida pessoal e já deixei passar um monte de coisa que hoje é tida como 'verdade'. Quem sabe da minha vida sou eu", concluiu.

Suposto novo caso de traição de Adnet

O nome do humorista voltou a ser citado em um novo caso de traição nesta terça-feira (10). Após uma atriz gaúcha usar as redes sociais para declarar que teve um relacionamento com ele, e que o famoso.

Além disso, ela também comentou que teria sido ameaçada pela atual mulher dele, Patrícia. E desde então, o assunto ganhou grandes proporções.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!