Reportar erro
Especial de Natal

Camila Pitanga questiona: "Quem disse que o Papai Noel não pode ser negro?"

Juntos a Magia Acontece vai ao ar na noite de Natal

Camila Pitanga no especial de Natal
Camila Pitanga em especial de Natal - Divulgação/TV Globo
Redação NT

Publicado em 18/12/2019 às 11:50:08

Camila Pitanga integra o especial da Globo, Juntos a Magia Acontece, que vai ao ar na noite de 25 dezembro.

Na história, ela é uma professora que precisa cuidar da filha, Letícia (Gabriely Mota), superar a morte da mãe, Neuza (Zezé Motta), e ajudar o pai, Orlando (Milton Gonçalves (Milton Gonçalves), a se reerguer do luto.

Ao GShow, portal de entretenimento da Globo na web, contou que se emocionou ao ver Milton Gonçalves vestido com os trajes do Papai Noel: "Quando eu vi o Milton vestido pela primeira vez, os meus olhos encheram d'água. Porque é algo que diz muito sem ser panfletário. Quem disse que Papai Noel não pode ser negro?".

"Se é uma ficção que a gente aceita, essa ficção pode ter muitas caras. Assim como a gente vê a necessidade de as crianças terem bonecas com a sua cor, com seus cabelos, é muito simbólico a gente poder ver um homem negro como Papai Noel", acrescentou ela.

Pessoalmente, Camila tem uma ótima relação com o Natal: "Eu tenho hoje uma realidade muito alegre com o Natal, mas nem sempre foi assim. Quando meus pais se separaram, eu tive Natais em que a gente soube ser feliz, ainda que fôssemos só três pessoas: eu, meu pai e meu irmão, Rocco Pitanga, ou a gente dentro do Natal de outra família. Tinha alguma coisa que era um buraco, uma dor, mas também tinha um fortalecimento desse elo familiar".

"Para mim, passar o Natal em família é com todo mundo que você se sente bem. Afinal, existem tantos tipos de famílias... Às vezes, a família pode ser a dos amigos, pode ser o avô com suas netas, a da dona de um orfanato com as crianças...", acrescentou ela.

Mais Notícias
Outros Famosos