Filme foi em 2011

Déborah Secco sobre "Bruna Surfistinha": "Perdi dinheiro, mas ganhei em imagem"

Atriz foi uma das sócias do longa

Déborah Secco sobre
Déborah Secco afirmou ter tido prejuízo em "Bruna Surfistinha". Foto: Reprodução

Publicado em 09/07/2019 às 16:35:29

Por: Redação NT

A atriz Déborah Secco não foi apenas a protagonista do filme "Bruna Surfistinha", exibido nos cinemas brasileiros em 2011. Ela foi uma das sócias do filme porque precisou injetar dinheiro no projeto para que ele pudesse ser concluída, já que a Receita havia acabado antes de se concluírem as gravações. Mas a global não reclama, pois garantiu que o longa garantiu a ela muito crescimento em termos de imagem.

"Faltava uma semana de gravação e não tinha mais dinheiro. Eu perguntei quanto era pra terminar a semana e investi do meu bolso. Virei sócia", explicou a atriz para o "TV Fama", da RedeTV!

Déborah insistiu explicando a situação inusitada. "Muita gente vê o filme e pensa que ganhei muito dinheiro, mas não houve lucro algum e acabei perdendo muito dinheiro", afirmou.

A informação chamou a atenção, já que, à época, saíram uma série de reportagens confirmando que "Bruna Surfistinha" havia ultrapassado a marca de 2 milhões de pessoas nos cinemas e que o filme havia arrecadado mais de R$ 18 milhões.

Mesmo com as informações desencontradas, a artista da Globo afirmou não ter razões para reclamar, já que o longa garantiu um crescimento vertiginoso de sua imagem. "Eu não sabia, mas aquilo foi um investimento na minha imagem. Depois do filme eu mudei de patamar artístico", explicou.

Vale lembrar que, bem antes de "Bruna Surfistinha", Déborah havia protagonizado uma novela das nove. Em "América" (2005), ela viveu Sol, a protagonista que tenta entrar nos EUA de todos os modos. A novela de Glória Perez, inclusive, está cogitada para voltar em reprise no "Vale a Pena Ver de Novo".

Déborah esteve no ar em "Segundo Sol" (2018), novela de João Emanuel Carneiro, e ela já está escalada para um novo papel em 2020, quando irá protagonizar "Salve-se quem puder", trama das 19h de Daniel Ortiz. Sua última novela no horário havia sido em 2006, quando fez "Pé na Jaca", de Carlos Lombardi.

A história de Bruna Surfistinha, além de virar filme, rendeu uma série na Fox. "Me Chama de Bruna" acompanha a vida da garota de programa que é interpretada por Maria Bopp.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!