Reportar erro
Marighela

Bruno Gagliasso chora em lançamento de filme e é criticado na web

Bruno Gagliasso
Divulgação
Naian Lucas

Publicado em 18/02/2019 às 16:41:37

O protagonista de “O Sétimo Guardião”, Bruno Gagliasso, sofreu críticas na web neste fim de semana. Mas nada tem a ver com a novela de Aguinaldo Silva. A onda de críticas se deu por conta de sua declaração no lançamento do filme “Marighela”.

O lançamento aconteceu durante o Festival de Berlim que contou com a presença de Bruno, que participou da película dirigida por Wagner Moura. Durante a festa de lançamento, o ator se emocionou e falou sobre a importância da obra.

Para ele, é fundamental que as pessoas assistam ao filme porque trata de representatividade e ele lembrou o sofrimento dos negros no Brasil. Gagliasso citou ainda sua filha Titi, que é negra, e que sentiu-se emocionado por conta disso.

Nem bem terminou a entrevista e o ator sofreu uma profusão de críticas na web. Parte significativa de internautas fez questão de comentar o caso e lembrar que o guerrilheiro homônimo que inspirou o filme jamais lutou contra o racismo e que este também não é o mote do filme.

No mesmo fim de semana em que a primeira mulher negra sentou na bancada do Jornal Nacional, Bruno Gagliasso acabou sofrendo duras críticas por colocar o racismo em pauta através do filme “Marighela” e por citar sua filha.

Vale lembrar, no entanto, que nem só de críticas viveu a situação. O marido de Giovanna Ewbank também recebeu apoio de parte dos internautas que concordou sobre a importância da representatividade negra no Cinema nacional.

Em tempo: o filme “Marighela” estréia nas salas de cinema do Brasil neste fim de semana.

Críticas

Elo

Mais Notícias
Outros Famosos