Juliana Didone fala sobre maternidade e feminismo: "A gente só quer os mesmos direitos que os homens"

"Somos muito mais fortes que os homens", pontua Juliana Didone

Juliana Didone está grávida de oito meses - Divulgação/Record TV

Publicado em 12/03/2018 às 10:16:14

Por: Redação NT

Aos 33 anos, Juliana Didone tem uma extensa lista de novelas na televisão. Seu trabalho mais emblemático é em "Malhação", onde viveu a protagonista Letícia na temporada 2004, da saudosa Vagabanda.

À revista Quem, a cantora falou sobre sua gravidez, que está na reta final, e também sobre o feminismo. "A gente só quer os mesmos direitos que os homens. Podemos fazer tudo que eles fazem e queremos ser bem remuneradas para isso", pontua.

"Queremos liberdade de poder sermos quem queremos ser. Acho que somos forte para c*. E somos muito mais fortes que os homens. É por isso que eles estão tão confusos com a nossa luta", opina.

Juliana lembra que sempre foi muito casada com seu trabalho e adiava a maternidade. "E dizia, 'daqui a dois ou três anos, vou ter filho, antes vou terminar o projeto tal'. Aí, de repente, a vida mudou", diz.

"Descobri que estava grávida num domingo, andando na praia com a minha mãe, o Flávio em São Paulo. Minha menstruação estava atrasada, mas eu não sou regrada. Meu peito estava grande e dolorido, fui dar uma corridinha e não consegui, pensei ‘será que preciso de um top mais apertado?’ Aí fiz um teste de farmácia", relembra.

A atriz conta que não estava super temerosa com isso porque ao longo da vida, como sempre foi uma pessoa que namorou muito, esse tipo de coisa já havia ocorrido antes. "Fiz o teste: duas listras é resultado positivo, mas deu uma vermelha e outra rosinha claro. Pensei ‘ah, não estou grávida’ e liguei para minha irmã caçula, que sabe tudo de maternidade e cravou que eu estava sim. Ela chegou com mais dois testes, mandou que eu bebesse água, meu deu um copo. Eu ainda estava curtindo o ‘se’. Fiz outro teste e deu duas listras fortes".



publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade