Portiolli desabafa sobre "Domingo Legal" e diz: "Quero parar daqui 18 meses"

Apresentador rebateu críticas sobre o programa dominical do SBT

Divulgação/SBT

Publicado em 16/04/2016 às 15:55:26

Por: Fabrício Falcheti

O apresentador Celso Portiolli resolveu desabafar em seu perfil no Twitter neste sábado (16).

Conversando com seus seguidores, um deles perguntou se Celso estava satisfeito com os rumos do "Domingo Legal", que vem sendo basicamente composto pelo "Passa ou Repassa".

"Nada é tão ruim que não possa piorar", respondeu o apresentador. Outro internauta disse que o game de tortas na cara já cansou, sendo apoiado por mais seguidores. Celso não deixou barato: "Manda endereço para envio de pilhas para o controle remoto".

Seguindo o debate, um outro internauta comentou: "A verdade precisa ser dita. O @Domingo_Legal piorou muito nos últimos anos. Tá precisando ser reformulado". Portiolli detonou: "E tua vida melhorou? Não me meto nela".

Diante de todas as críticas, o apresentador revelou sobre o "Domingo Legal": "Na verdade eu tento mudar aquilo todo dia, mas não consigo. Então fica como está. Quero parar daqui 18 meses. Pra mim tá bom. #prontofalei". O programa é dirigido por Roberto Manzoni, o Magrão.

Seguidores se surpreenderam com a revelação e imploraram para Celso Portiolli não sair da TV. "Pode parar de palhaçada. Você é o MELHOR APRESENTADOR da TV, cara", disse um. "faz isso comigo não, meu amor. Pode parar com essa história de parar", escreveu outra. "NÃO CARA... Fica pelo amor de Deus", bradou mais outro.

Mas o apresentador seguiu debatendo e explicando os motivos do "Domingo Legal" estar com este formato atualmente.

Um seguidor disse: "Não faço críticas para destruir ninguém, mas tá na cara que o programa perdeu qualidade. Só passa e repassa e nada mais". E Portiolli respondeu: "Qualidade não perdeu. Perdeu duas horas, perdeu equipe, perdeu muita coisa. Dá pico 13 primeiro lugar no rio e aí?".

Na sequência, um outro internauta lembrou do "Curtindo uma Viagem", grande sucesso do SBT em 2001. E Celso falou: "Curtindo eu criei junto com o SS e eu era o diretor, editor e apresentador. Tinha autonomia".

Ele ainda disse que tem várias ideias para o "Domingo Legal", mas "difícil é implantar". Por fim, confirmou que o programa terá um novo cenário e novas provas no "Passa ou Repassa".

Celso Portiolli começou no SBT em 1993, quando enviou sugestões de câmeras escondidas para o "Topa Tudo por Dinheiro". De 11 ideias que mandou, sete foram aprovadas, o que despertou o interesse da emissora, que o contratou para ser redator da atração de Silvio Santos.

Em 1996, estreou no comando de seu primeiro programa na casa, justamente o "Passa ou Repassa". No SBT, comandou várias atrações, como "Tempo de Alegria", "Xaveco", "Fantasia", "Curtindo uma Viagem", "O Conquistador do Fim do Mundo", "Sessão Premiada", "Código Fama", "Ver pra Crer", "Namoro na TV", "Curtindo com Reais" e "Curtindo com Crianças".

Assumiu o "Domingo Legal" em 2009, quando Gugu Liberato foi contratado pela Record. No ano passado, ganhou outra atração, o "Sabadão", como forma de compensar as duas horas que perdeu aos domingos, com a chegada do bloco "Mundo Disney".

Atualmente, o "Domingo Legal" é terceiro lugar de audiência, com médias entre 5 e 7 pontos na Grande SP.

 



COMENTÁRIOS