Reportar erro
Vem aí

Na Cultura, Manhattan Connection muda o formato e estreia com FHC e Tabata Amaral

Programa inicia nova fase

 Na Cultura, Manhattan Connection muda o formato e estreia com FHC e Tabata Amaral
Fernando Henrique Cardoso e Tabata Amaral - Foto: Montagem

Redação NT

Publicado em 18/01/2021 às 20:30:00

A estreia do Manhattan Connection na TV Cultura acontece na próxima quarta-feira (20) e terá um formato diferenciado, dando ao programa novos quadro e mais espaço dentro da programação. E no debute, a atração comandada por Lucas Mendes, Pedro Andrade, Caio Blinder, Diogo Mainardi e Angélica Vieira contará com a participação do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e da deputada federal progressista Tábata Amaral, filiada ao PDT, de Ciro Gomes.

A Cultura confirmou a data da estreia do programa, que ficou por quase três décadas no ar, na GloboNews, antes de não renovar com a emissora do Grupo Globo em 2020, e com mudanças em seu formato. A partir de agora, o Manhattan contará com três intervalos, o que significa que haverá mais tempo de arte na TV aberta, do que acontecia nos idos da TV fechada.

Além disso, o presidente da Fundação Padre Anchieta, mantenedora da TV Cultura, José Roberto Maluf, comemorou a chegada do programa de debates políticos. "A estreia do Manhattan Connection inicia uma nova fase da emissora, da programação da TV aberta. E a TV Cultura, enquanto TV pública, é agente ativa da democracia. Trazemos em nossa história, em nossos corredores, redações e funcionários esse gene. Dessa forma, o Manhattan e a TV Cultura se encontraram nos espaços em comum. Nos conectamos por valores-chave: a liberdade de expressão e o respeito", divulgou em nota liberada à imprensa.

A atração também contará com outra novidade, uma participação maior de Pedro Andrade, além de um quadro inédito e com identidade visual diferenciada, com direito a vinheta simulando placas de uma esquina em Nova York e também terá convidados no Brasil e nos EUA. Além disso, a vinheta também lembrará ruas da cidade norte-americana em que viveram pessoas que fizeram contribuições relevantes, sejam positivas ou negativas.

E para mostrar o investimento, a TV Cultura lembrou ainda que o programa contará com um novo cenário em breve e que será gravado diretamente do Hotel Fasano, na 5ª Avenida e que conta com uma linda paisagem de Nova York, sendo possível assistir ao show dos leões-marinhos no Zoológico do Central Park.

Estreia do Manhattan Connection

No primeiro programa dessa nova fase da produção, o Manhattan contará com a presença do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, filiado do PSDB, partido que comanda a o Estado de São Paulo desde os anos 90 e, portanto, tem forte influência junto à TV Cultura, e também da deputada federal Tábata Amaral, eleita pelo PDT, sigla ligada a Ciro Gomes. Ela marcará preença juntamente com o namorado, o prefeito de Recife, João Campos, do PSB.

"Não fiquei ansioso com as estreias deste programa, no GNT e na Globonews, nem no primeiro deles em marco de 1993. Foram mais de 1.300 programas, 48 por ano em quase 28 anos, mas desta vez estou preocupado porque são muitas conexões com os convidados separados e a infernal Covid-19 que pode chegar sem convite. Se der certo, vai ser fantástico", comentou o apresentador Luca Mendes.

Mais Notícias