Reportar erro
Liderança

Mulheres Apaixonadas dá maior audiência ao Viva em 10 anos

Em terceira exibição, novela se mostra garantia de sucesso: superou a então recordista do canal, O Cravo e a Rosa

Em suas duas primeiras semanas, Mulheres Apaixonadas superou audiências de O Cravo e a Rosa e O Clone no mesmo período
Protagonizada por Tony Ramos e Christiane Torloni, Mulheres Apaixonadas está de volta no Viva - Foto: TV Globo/Renato Rocha Miranda
Redação NT

Publicado em 12/09/2020 às 16:59:00

Mulheres Apaixonadas, clássico de Manoel Carlos de volta no Viva desde 24 de agosto, teve o melhor desempenho entre todas as novelas exibidas no canal desde que entrou no ar, em 2010. Na comparação com as duas primeiras semanas, a novela exibida originalmente em 2003 superou até mesmo o êxito de suas duas antecessoras, O Clone (2001-02) e O Cravo e a Rosa (2000-01).

De 24 de agosto a 5 de setembro, Mulheres Apaixonadas levou o Viva à liderança do ranking nacional da TV paga. Em comparação com a então recordista, O Cravo e a Rosa, de Walcyr Carrasco, reprisada em 2019, o crescimento de audiência foi de 37% na faixa de exibição, das 23h à meia-noite. As informações são da colunista Patricia Kogut.

Com o feito, a novela protagonizada por Christiane Torloni, Tony Ramos e José Mayer teve o início com melhor desempenho entre todas as novelas que foram ao ar no mais horário nobre do Viva, tradicionalmente o de maior audiência. A trama de Manoel Carlos ocupou a vaga de O Clone, de Glória Perez, finalizada em agosto também com público histórico.

O sucesso das novelas tem feito o Viva despontar entre os canais da TV fechada. Em julho, alcançou o primeiro lugar do ranking, à frente até mesmo da GloboNews. Ambos alcançaram 0,28 ponto no Painel Nacional de Televisão (PNT), mas o Viva ficou na frente na quantidade de televisores ligados: 0,75% de share contra 0,74% do canal de notícias.

Com a terceira exibição, Mulheres Apaixonadas se consolida como garantia de sucesso. A novela também deu grande audiência à Globo em sua exibição original, há 17 anos, com média de 47 pontos na Grande São Paulo. Em sua reprise no Vale a Pena Ver de Novo, entre 2008 e 2009, chegou a superar o Ibope das novelas das 18h e 19h na época.

Mais Notícias