Guerra de notícias

TVs correm para noticiar teste de Bolsonaro para coronavírus

Presidente apresentou febre e se submeteu a exame para Covid-19; resultado sai nesta terça

TVs correm para noticiar teste de Bolsonaro para coronavírus
Jornal da Band noticia teste para Covid-19 realizado pelo presidente Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução/Band)

Publicado em 06/07/2020 às 21:45:40

Por: Paulo Pacheco

O exame para coronavírus realizado pelo presidente Jair Bolsonaro provocou uma corrida nas emissoras de TV pela informação mais precisa a respeito do estado de saúde do chefe do Executivo, que informou ter se submetido ao teste na tarde desta segunda-feira (6).

A CNN Brasil, às 19h05, foi a primeira emissora a noticiar que Bolsonaro apresenta sintomas de coronavírus, com o repórter Leandro Magalhães. Ele ouviu do próprio presidente que o hospital das Forças Armadas aferiu sua temperatura e detectou 38 graus de febre. O canal pago passou uma hora consecutiva discutindo o tema e repetindo “a última imagem pública do presidente”, como falou Monalisa Perrone.

Poucos minutos depois, no Brasil Urgente (Band), José Luiz Datena conversou por telefone com o repórter Caiã Messina, de Brasília, sobre a saúde do chefe do Executivo. O profissional apareceu ao vivo no Jornal da Band, que falou sobre o teste de Bolsonaro para Covid-19 uma hora depois de Datena. Paralelamente, no mesmo grupo (rádio Bandeirantes), o jornalista Claudio Humberto cravou que o presidente foi diagnosticado com o novo coronavírus.

A GloboNews entrou no assunto às 19h35, dentro do Edição das 18h. César Tralli chamou o repórter Nilson Klava, que informou sobre o estado de saúde do presidente, e Cristiana Lôbo, que apurou com fontes de Brasília que a contraprova do teste será divulgada nesta terça, por volta do meio-dia. O canal pago não se estendeu no assunto.

O SBT Brasil também noticiou o exame com um link diretamente de Brasília. O Jornal da Record, com o repórter Clébio Cavagnolle, trouxe uma informação nova: segundo informantes do Palácio do Planalto, Bolsonaro já está tomando hidroxicloroquina, medicamento defendido por ele para o tratamento do novo coronavírus, mesmo sem eficácia cientificamente comprovada. A Record News entrou no tema com a transmissão simultânea do JR.

No Jornal Nacional, o teste de Bolsonaro esteve presente na escalada (abertura com as manchetes do dia), mas a primeira notícia lida por William Bonner foi o total atualizado de vítimas de Covid-19 no Brasil (comparando à taxa de homicídios em 2017, ano considerado mais violento do Brasil). O exame só voltou a aparecer no último bloco do JN.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!