Reportar erro
Desfalque

Sikêra Jr não retorna ao Alerta Nacional e RedeTV! convoca novo reforço

O apresentador se afastou ao contrair a Covid-19

O apresentador Sikêra Jr no comando do Alerta Nacional
O apresentador Sikêra Jr segue afastado do Alerta Nacional, exibido pela RedeTV - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 06/05/2020 às 17:20:57

O apresentador Sikêra Jr, que estava conquistando o público de todo o Brasil com o Alerta Nacional, vai seguir afastado do programa policial da RedeTV!. Mayara Rocha já estava no comando da atração desde o dia 23 de abril, quando o titular contraiu Covid-19.

Desde segunda-feira (04), além de Mayara Rocha, o Alerta Nacional também está contando com a apresentação de Bruno Fonseca, o repórter Brunoso. Para o NaTelinha, a assessoria da RedeTV! comentou sobre o afastamento de Sikêra Jr e também deu mais detalhes sobre quando ele retornará para o programa policial, ainda com pouca expectativa.

Sobre a entrada de um segundo apresentador, a emissora explicou que "o Brunoso, que está participando do programa ao lado da Mayara, é repórter do jornalístico, ele já era da equipe do Sikêra", ou seja, não houve qualquer busca por nomes de fora da emissora.

Sobre a volta do apresentador, a RedeTV! foi cautelosa: "Quanto ao retorno, Sikêra estará de volta quando estiver totalmente recuperado, após liberação médica".

Sikêra Jr não retorna ao Alerta Nacional e RedeTV! convoca novo reforço

O apresentador Sikêra Jr vai seguir se recuperando em casa

Sikêra Jr faz parte do grupo de risco e como contraiu a doença precisa de mais cuidado, permanecendo por mais tempo em isolamento social. Ao NaTelinha, a assessoria da RedeTV! disse que o retorno do profissional não está prevista para esta semana. "Semana que vem será reavaliada a data para o retorno", avisou. 

Vale lembrar que o Alerta Nacional estreou no dia 28 de janeiro e turbinou os índices de audiência da RedeTV! no início da tarde de segunda a sexta, aumentando em até 200% os números e ajudando o RedeTV News, que vem depois, a também aumentar a média em todo o Brasil.

 
Mais Notícias