Tritura

Marcão do Povo detona Ludmilla e acusa Leo Dias: "Você já falou macaco no programa"

Apresentador do "Primeiro Impacto" estreou novo quadro do "Fofocalizando"

 Marcão do Povo detona Ludmilla e acusa Leo Dias: "Você já falou macaco no programa"
Marcão do Povo participou do novo quadro do "Fofocalizando". Foto: Reprodução/SBT

Daniel César

Publicado em 21/05/2019 às 16:30:57

O programa "Fofocalizando" estreou novo quadro na edição desta terça-feira (21) e contou com a participação de Marcão do Povo, o apresentador do "Primeiro Impacto". O "Tritura ou não Tritura" fez com que o jornalista detonasse a cantora Ludmilla que o acusou de racismo. Marcão ainda afirmou que Leo Dias já usou a palavra "macaco" no vespertino em uma data passada.

continua depois da publicidade

O quadro, uma espécie de "Pra quem você tira o chapéu?" do "Programa Raul Gil", consiste em pedir para que o participante decida se tritura ou não tritura uma pessoa. Caso o convidado opte por triturar, o papel com a imagem é colocada dentro de um triturador. 

No caso de Marcão do Povo, o quadro foi aberto com o nome de Gugu Liberato. O titular do "Primeiro Impacto" optou por não triturar o apresentador da Record. “Não trituro porque é uma pessoa que fez e faz muito pelo Brasil. É uma pessoa que veio de baixo, assim todos nós, e construiu uma grande carreira. Quando comecei, ele me abraçou e me desejou sucesso. É um cara maravilhoso”, comentou.

continua depois da publicidade

O segundo nome indicado pelos apresentadores do "Fofocalizando" foi Ana Maria Braga, apresentadora do "Mais Você" da Globo. Marcão mudou o tom e afirmou que iria triturar a loira porque não gostou das críticas que ela fez aos programas chamados policialescos: “Eu sei que eu posso ser condenado por muitos, mas vou triturar. Porque ela andou dizendo que o estilo de programa que eu faço, que muitos fazem, são jornalecos e apelativos. Acho que ela deve está falando isso, porque eu ganho dela todo dia. A Globo sabe que eu existo”.

continua depois da publicidade

Em duas participações que deram a chance do jornalista comentar celebridades que estão sempre na mídia, foi a vez de Marcão decidir se tritura a atriz Bruna Marquezine. “Trituro. É uma grande atriz, mas ela tem se destacado mais pelas polêmicas, mais pelas coisas mais negativas do que positiva. Por exemplo, ela não é exemplo de relacionamento pra ninguém, porque vive no chove e não molha com Neymar. Ela se junta nas redes sociais e fala mal de uma pessoa que nem entrou na presidência. Parece que só está pensando no Eu, em primeira pessoa”, bradou.

continua depois da publicidade

Marcão também fez questão de triturar Fernanda Souza, dessa vez por conta de um problema pessoal. É que a atriz e apresentadora, segundo ele, saiu em defesa da cantora Ludmilla na ocasião em que ele foi acusado de racismo. “Trituro. Naquele episódio da Ludmilla, sem saber a verdade, sem fazer uma pesquisa no Google, entender os ditados regionais, ela compartilhou o que não sabia. Foi um papagaio, que falou as coisas sem saber”

continua depois da publicidade

O "Fofocalizando" ainda deu oportunidade para que Marcão se mostrasse grato a um dos apresentadores mais conceituados do SBT: Ratinho. “Não trituro. Falar de Carlos Massa, é falar de pai, irmão. Um ser humano da mais alta pureza que eu tiver o prazer de conhecer. Uma vez, numa entrevista, ele falou a verdade que aconteceu comigo com a Ludmilla sem me conhecer. Está entre as três melhores pessoas que conheci na vida”, comentou.

continua depois da publicidade

Na sequência, quem apareceu foi Roque. O famoso diretor de caravanas de Silvio Santos apareceu na lista e não foi triturado. “Como triturar o Roque? Esse triturador não suporta triturar uma pessoa maravilhosa como Roque. Esse é outro cara que aprendi a amar. Todos os dias ele passa no horário do meu programa, me abraça, me dá um beijo e deseja que Deus me abençoe. Tem pureza maior que essa? Roque, eu te amo”, rasgou.

continua depois da publicidade

O momento mais aguardado foi o de Ludmilla. Marcão foi dispensado da Record em 2017 por conta de um comentário supostamente racista contra a cantora. Num vídeo ele aparece a chamando de "pobre macaca". Segundo ele, trata-se de uma expressão regional. Leo Dias discordou e afirmou que todo mundo sabe que no Brasil a palavra "macaco" tem conotação racista.

"Outro dia você usou essa palavra no programa, Leo", afirmou Marcão, para surpresa do jornalista de celebridades. "Você falou usando uma expressão, macaco velho", respondeu o apresentador do "Primeiro impacto". Leo Dias não deixou passar e respondeu no ato: "Macaco velho é outra coisa, Marcão".  Mesmo assim, o jornalista insistiu e, por isso, triturou a funkeira: “Eu trituro, porque ela entrou com processo e divulgou nas redes sociais sem me procurar, sem entender o que foi dito. Por isso eu trituro”.

continua depois da publicidade

Depois, o rosto do próprio Leo Dias apareceu no telão, dando a oportunidade do convidado detoná-lo, o que não foi feito. Marcão do Povo abraçou o colega e fez uma declaração: "Ele é boca suja, ele é caçador de conversa, mas esse cara quando falou de mim, da maneira que ele falou de mim, eu falei: ‘Vou bater nele’. Depois que conheci, aprendi a te amar. Não vou te triturar, porque você é um cara de bom caráter e uma pessoa de bem”.

continua depois da publicidade

Por outro lado, ele se mostrou ao lado de Lívia Andrade na confusão envolvendo Mc Mirella. Ao ser questionado se triturava a cantora, ele não perdoou: “Essa menina, jovem, que, acredito eu, tem tudo para ser uma grande popstar. Ela não é uma cantora, mas é uma aproveitadora. Respeite as pessoas. Eu trituro”.

Por fim, Marcão recebeu a chance de triturar sua ex-emissora. Mesmo assim, Marcão do Povo decidiu ficar no politicamente correto e não falar mal da Record. “Acredito que todos nós somos passíveis a erros. Eu acredito que eles erraram comigo. Eles me chamaram para fazer acordo e eu aceitei. Mas eu não trituro”, finalizou.

continua depois da publicidade