Pacote

Globo desembolsa R$ 100 milhões em novo acordo com a Warner

Contrato dará direito à Globo exibir longas como "Aquaman" e "Shazam!"

Globo desembolsa R$ 100 milhões em novo acordo com a Warner
Globo e Warner selam novo acordo - Foto/Montagem/NaTelinha

Thiago Forato
i

Thiago Forato

Thiago Forato é jornalista, escreve sobre televisão há 14 anos e assina a coluna Enfoque NT há oito, além de matérias e reportagens especiais no NaTelinha. Converse com ele:

thiagoforato@natelinha.com.br

Twitter: @tforatto

Publicado em 20/05/2019 às 20:30:46 Atualizado em 21/05/2019 às 09:44:11

A Globo acertou a renovação de seu contrato com a Warner na semana passada, em Los Angeles, o que lhe dá o direito de exibir filmes distribuídos pela produtora pelos próximos três anos.

O novo acordo inclui longas como "Nasce uma Estrela", "Aquaman", "It: A Coisa", "Rampage: Destruição Total", "Shazam!", dentre outros blockbusters que uma das maiores produtoras de conteúdo vem lançando nos cinemas.

A Globo também detém os direitos de transmissão de séries como "Supergirl", "Legends of Tomorrow" e "Flash",  que devem ter novas temporadas nos próximos meses na programação da emissora.

Segundo apurou o NaTelinha, o contrato gira em torno de US$ 25 milhões por ano. No câmbio atual, este valor supera os 100 milhões de reais.

Parceira da Globo desde 2016 após mais de 10 anos no SBT, a Warner esteve sem casa na televisão aberta por três anos. Silvio Santos não quis renovar o acordo de exclusividade pelas altas cifras. Ademais, o "Cine Espetacular" e a "Tela de Sucessos" vêm conseguindo índices de audiência expressivos sem grandes produções inéditas.

No início do mês, a Globo anunciou um pacote com 10 filmes para irem ao ar ao longo de 2019, tais como "Kong: Ilha da Caveira", "Alice Através do Espelho", "Doutor Estranho", "A Múmia", "Creed", "Jason Bourne", "Os Farofeiros", "Baywatch", "Liga da Justiça" e "Capitão América: Guerra Civil". Este último já foi transmitido.

O anúncio causou surpresa por listar os estúdios parceiros: Universal Studios, MGM, Paramount, Disney, Lionsgate, Sony Pictures e a própria Warner.

Procurada pela reportagem para comentar o acordo, a Globo confirmou a renovação de contrato com a Warner até 2021, mas não revelou valores.

“A alta qualidade dos títulos da Warner trazem relevância e impacto para a nossa grade de filmes. Ficamos muito felizes de poder continuar exibindo esses sucessos para o público brasileiro", disse Amauri Soares, diretor de programação da Globo, em comunicado enviado pela emissora.

Já Jeff Schlesinger, presidente da Warner Internacional, também comemorou: "Nossa relação com a Globo é de longa data e de muito sucesso. Estamos ansiosos para ver nossos filmes fazendo parte da programação da emissora".


publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!