Macrossérie

Record lança "Jezabel" e evidencia números de superprodução

Macrossérie estreia na próxima semana no lugar de "Jesus"

Record lança
Lidi Lisboa e André Bankoff estrelam "Jezabel" - Fotos: Antonio Chahestian/Record

Fabrício Falcheti
i

Fabrício Falcheti

Publicitário e jornalista pós-graduado, Fabrício Falcheti é sócio-fundador e editor-chefe do NaTelinha. MTB: 0061456/SP

Publicado em 17/04/2019 às 16:19:53

A Record realizou nesta terça-feira (16) o lançamento de sua nova produção de dramaturgia, a macrossérie "Jezabel", que substituirá "Jesus" na faixa das 20h30.

Em evento realizado nos estúdios do Polo Cinematográfico de Paulínia, interior de São Paulo, onde a trama é gravada, o diretor geral Alexandre Avancini explicou que os trabalhos envolveram mais de 300 profissionais e aproximadamente três mil figurantes no Brasil. “Acho que a palavra que define toda essa superprodução é: motivação! As pessoas estão muito motivadas com esse processo, o elenco está de parabéns, nossos protagonistas são brilhantes”, declarou.

As gravações externas ocorreram em sua maioria no Marrocos nesta primeira fase, com a utilização de cinco mil figurantes.

Os números da superprodução impressionam: 100 pessoas entre elenco e equipe viajaram para o Marracos, juntamente com 160 malas de figurinos; seis mil peças de figurinos foram produzidas; além de quatro mil peças de acessórios como colares, brincos, braceletes e ornamentos para cabeça; 600 espadas de metal, escudos, lanças; seis bigas de guerra; 50 cavalos em cena; 240 estátuas de deuses de mármore; 400 peças em metal, jarras, bandejas; 700 peças em barro (vasos, canecas, lamparinas); mais de mil peças decorativas no geral; 56 cenários e 31 estúdios.

A macrossérie conta a história de Jezabel, vivida por Lidi Lisboa, que após um acordo entre dois reinos, se casa com o príncipe Acabe, feito pelo ator André Bankoff, e se torna a mais perigosa rainda de Israel.

Ela se aproveita da fraqueza e submissão do marido para comandar o reino com violência e manipular todos ao seu redor, se auto-intitulando uma sacerdotisa e porta-voz divina. Ela também recorre de sacrifícios e adoração a outros deuses para mostrar seu poder.

De autoria de Cristianne Fridman e direção geral de Alexandre Avancini, "Jezabel" tem produção da Formata e estreia na próxima terça-feira (23), na Record.


publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!