Revolta

Mulher faz desabafo sobre tragédia em Brumadinho e vídeo repercute na TV e na web

Mulher revoltada com sumiço do irmão em Brumadinho
Reprodução

Publicado em 28/01/2019 às 16:41:33

Por: Naian Lucas

Um desabafo feito por uma jovem chamou a atenção de internautas e acabou viralizando. Isso porque tratava-se de um discurso emocionado sobre a tragédia ocorrida na última sexta-feira (25) na barragem de Brumadinho (MG).

A moça em questão tinha um irmão que estava trabalhando no local e desapareceu com o rompimento. Ela rapidamente foi até o posto de atendimento mas não gostou da forma como estavam sendo distribuídas as informações.

Segundo ela, após horas, a Vale, empresa responsável pela barragem, não deu notícias estáveis sobre o irmão. A jovem acabou perdendo a paciência e fez um discurso duro e emocionado com críticas pesadas à empresa e à organização.

“Para vocês ele pode ser um número, mas para mim é um irmão, uma pessoa que eu amo”, disse a mulher com várias câmeras ligadas e microfones focalizados nela. A mulher não demonstrou sentir-se intimidada com os microfones e continuou o discurso.

O vídeo foi exibido por diversas emissoras da TV brasileira, tanto aberta quanto fechada e rapidamente bombou nas redes sociais. Muitos internautas comentaram a dor da mulher.

Famosos também se solidarizaram com a situação e alguns compartilharam o vídeo mostrando a desesperadora situação. A atriz Patrícia Pillar utilizou seu perfil no Twitter para divulgar o vídeo.

A cobertura da tragédia em Brumadinho (MG) tem mobilizado dezenas de equipes de televisão de todos os lugares do Brasil e promovido horas e horas de plantões em praticamente todas as emissoras.

Com isso, há vários vídeos viralizando com os mais diversos assuntos referentes ao tema e circulando pela web. Nesta segunda-feira (28), os jornais continuam priorizando o tema.

Confira:


publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!