Reportar erro
Barraco

Amanda Ramalho pede demissão do "Pânico" após briga com Biel

Amanda Ramalho
Reprodução
Fabrício Falcheti

Publicado em 23/10/2018 às 22:07:55

Na noite desta terça-feira (23), Amanda Ramalho anunciou em seu Twitter que pediu demissão do "Pânico", da rádio Jovem Pan, após briga com o cantor Biel durante o programa na tarde de hoje.

“Eu pedi demissão. Não faço mais parte do programa ‘Pânico’. Um beijo aos meus companheiros e amigos que fiz lá. A gente se tromba”, escreveu ela, brevemente.

Amanda Ramalho estava no "Pânico" desde meados de 2003, convidada por Emílio Surita e Tutinha, dono da Jovem Pan, após participações dela que era ouvinte e ligava para a atração.

O caso

De volta ao Brasil, o cantor Biel participava do programa "Pânico" na Rádio Jovem Pan, nesta terça, quando abandonou a atração comandada por Emílio Surita após brigar com Amanda Ramalho.

Biel falava sobre sua carreira quando um bate-boca começou com Amandinha. O cantor se defendia das polêmicas e acusações de assédio que sofreu antes de deixar a carreira no Brasil, em 2016.

Até que Amanda quis saber se Biel agiu com interesse ao se relacionar com sua ex só para ter o green card (Cartão de Residência Permanente dos Estados Unidos).

Amanda Ramalho pede demissão do \"Pânico\" após briga com Biel

Ele negou e logo após relembrou quando Amanda disse que ele deveria morrer na época em que precisou deixar o Brasil. "Eu não estou brigando com você. Eu sou seu fã inclusive. Não conheço a sua pessoa. Você falou que eu deveria ter morrido", bradou.

A partir daí, os ânimos ficaram aflorados. 

Desesperada, a produtora e integrante Paula Krausche implorou para eles encerrarem a briga, o que não aconteceu.

Instantes depois, Biel se levantou e deixou os estúdios, mesmo com pedidos para ficar.

Antes de anunciar seu pedido de demissão, Amanda se pronunciou no Twitter após a repercussão do programa de hoje: "Eu não sou do tipo de pessoa que deseja a morte de alguém. Foi uma força de expressão que utilizei na época. Eu mantenho minha posição de repúdio as atitudes dais quais ele foi acusado. Sobre meu comportamento hoje: nem sempre as coisas saem como queremos".

Mais Notícias