Reportar erro
Em alta

Giovanna Rispoli diz que fez teste para "Avenida Brasil" e elogia "Carcereiros": "Intensa"

Sucesso pelo mundo como a Jojô de "Totalmente Demais", Giovanna Rispoli comenta que recebe mensagens de vários países pela novela

giovannarispoli0109_d69a26f60e3be5fb38b0c5fdc4c86462a7d2da56.jpeg
Giovanna Rispoli se prepara para a segunda temporada de "Carcereiros" - Reprodução/Instagram
Thiago Forato

Publicado em 01/09/2018 às 08:56:44

A atriz Giovanna Rispoli, apesar da curta carreira, vem emendando consecutivos papéis na Globo. Recentemente, foi elogiada por seu personagem na série "Carcereiros", a Lívia, filha do agente penitenciário Adriano, interpretado por Rodrigo Lombardi.

A Globo não confirma, mas Giovanna estendeu seu vínculo com a emissora por mais três anos. Aos 16 anos, a primeira novela da atriz foi há quatro anos, "Em Família", mas antes, ela revela ao NaTelinha que fez um teste para "Avenida Brasil" (2012). "Acabei não fazendo a novela, mas um tempo depois veio o teste para 'Em Família'", diz.

Na história de Manoel Carlos, ela foi a vilã Shirley na primeira fase. Na segunda, o papel coube à Alice Wegmann, e por fim, Viviane Pasmanter. "Foi muito marcante. A partir desse trabalho, veio o convite para 'Boogie Oogie' (2014-2015) e na sequência, para 'Totalmente Demais' (2015-2016)", relembra.

Sobre "Boogie Oogie", aliás, as recordações são as melhores possíveis. Como a peralta Claudia, Giovanna conta que foi legal ver reação das pessoas com aquela "peste". "Graças a ela, ganhei meus prêmios, como no 'Domingão do Faustão', na Contigo e em mídias eletrônicas", agradece, ressaltando a qualidade do elenco e toda aquela atmosfera dos anos 1970.

Giovanna Rispoli diz que fez teste para \"Avenida Brasil\" e elogia \"Carcereiros\": \"Intensa\"

No final de 2015, Giovanna viveu Jojô, filha de Fábio Assunção em "Totalmente Demais". A novela de Rosane Svartman e Paulo Halm tem feito sucesso em vários países do mundo, como na América Latina, Europa e até Oriente Médio.

"Recebo muitas mensagens de outros países pelo meu site e nas redes sociais também. A Jojô tem um jeito muito dela, as brigas com o pai fazia com que os outros adolescentes se identificasse muito. Eu acho que ela hoje ainda seria amiga da Eliza (Marina Ruy Barbosa) e talvez estivesse até com um estilo menos radical", imagina.

Sobre a série "Carcereiros", que tem uma segunda temporada confirmada, Giovanna elogia: "Foi bem intensa! Na primeira temporada, tivemos algumas cenas que ainda irão ao ar, que exigiram bastante de mim e valeu muito a pena. Sem contar a oportunidade incrível que foi estar com toda a direção, com aquele elenco... Uma honra poder contracenar com o Sr. Othon Bastos!".

Na segunda temporada, ela adianta desafios que vão fazer parte da nova fase de Lívia, mas faz mistério: "Será surpresa".

Mais Notícias