Onde Está o Meu Coração

Letícia Colin faz laboratório para compor médica e aprende massagem cardíaca

"Agora eu sei executar o procedimento", comemora Letícia Colin

Letícia Colin
Letícia Colin fazendo laboratório para a personagem - Reprodução/Instagram
Foto do Colunista / Jornalista

Thiago Forato
i

Thiago Forato

Thiago Forato é jornalista, escreve sobre televisão há 14 anos e assina a coluna Enfoque NT há oito, além de matérias e reportagens especiais no NaTelinha. Converse com ele:

thiagoforato@natelinha.com.br

Twitter: @tforatto

Publicado em 26/03/2019 às 11:07:48

A atriz Letícia Colin, que viveu a prostituta Rosa em "Segundo Sol" no ano passado, emendará mais uma personagem na Globo. Desta vez, na série "Onde Está o Meu Coração", que ainda não tem previsão de estreia.

Em seu Instagram, ela relatou que fez laboratório para construção da personagem no Incor (Instituto do Coração) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Meidicina da Universiodade de São Paulo), e no Sírio-Libanês, em São Paulo.

"Emociona aprender uma coisa que efetivamente salva vidas. Uauuuuu, que dia inesquecível!!!!", iniciou ela, agradecendo as enfermeiras ao treinamento complexo do local.

Letícia comemorou a aprendizagem: "Agora eu sei executar o procedimento de massagem cardíaca em caso de parada cardiorrespiratória. Aprendi nesse paciente robô a unir minhas mãos, posicioná-las e contar 100 batimentos por minuto. Disponibilizar-se a cuidar da outra, do outro, é um negócio que nos faz mais humanos. Recomendo... Qualquer um pode fazer a fazer".

A série "Onde Está Meu Coração" tem o texto de George Moura e direção de José Luiz Villamarim. Ainda não há data para ir ao ar.

O projeto é para o serviço de streaming do Grupo Globo, o Globoplay. Letícia será uma médica.

Somente depois de exibida no Globoplay é que a série deve ser levada ao ar na TV, como vem acontecendo nos últimos projetos.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!