Narcos: México

Netflix anuncia novo ciclo em "Narcos", que passará a ser no México

"Narcos" ganha nova ambientação a partir da quarta temporada

Netflix anuncia novo ciclo em
Imagem da terceira temporada de "Narcos" - Divulgação/Netflix

Publicado em 18/07/2018 às 11:20:56

Por: Thiago Forato

A série "Narcos" começará uma nova história a partir da próxima temporada, que mostrará o Cartel de Guadalajara, acompanhando a ascensão de Félix Gallardo (Diego Luna) como o maior traficante mexicano.

Guadalajara... México! É pra lá que a história se moverá, e ganhará até o este subtítulo. "Narcos: México"

Nas primeiras imagens divulgadas pela Netflix nesta quarta-feira (18), os protagonistas Diego Luna e Michael Peña (Homem Formiga) ganharam destaque.

José Padilha ainda é o showrunner da série, e Doug Miro e Carlo Bernard retornam como produtores executivos.

Confira a sinopse oficial:

Ao deixar o território colombiano depois de três temporadas, Narcos: México explora a origem da atual guerra do tráfico na região ao voltar às suas raízes, um período em que o universo das drogas mexicano era protagonizado por uma gangue desorganizada de produtores e traficantes independentes. A série mostra a ascensão do Cartel de Guadalajara nos anos 80, quando Félix Gallardo (Diego Luna) assume o comando e une os traficantes para construir um império. Quando o agente do DEA (Drug Enforcement Administration) - departamento de combate às drogas norte-americano - Kiki Camarena (Michael Peña) se muda da Califórnia com sua esposa e filho para assumir um novo cargo em Guadalajara, descobre rapidamente que sua tarefa será mais difícil do que poderia imaginar. À medida que Kiki se familiariza com os métodos de Félix e se envolve cada vez mais com sua missão, tem início uma série de acontecimentos trágicos que mudarão as regras do tráfico local e a forma como ele será combatido por muitos e muitos anos.

"Narcos: México" estreia ainda em 2018 na Netflix.

TAGS:


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!