Reportar erro
A casa vai cair

Éramos Seis: Justina bate o pé, enfrenta Emília e põe a mãe a um passo de ser desmascarada

Descubra como Adelaide irá desvendar o mistério que ronda sua família

Susana Vieira
Emília não consegue mais dominar Justina em Éramos Seis - Reprodução/TV Globo
Taty Bruzzi

Publicado em 07/02/2020 às 05:15:00

Em Éramos Seis, Emília (Susana Vieira) se aproveita do distúrbio de Justina (Julia Stockler) para manipulá-la a fim de esconder um segredo cabeludo do passado da ricaça.

Porém, desde que Adelaide (Joana d Verona) voltou da Europa e se interessou pela saúde da irmã que a milionária se sente ameaçada e, por isso, tem feito de tudo para neutralizar as filhas.

Nos próximos capítulos, a tia de Lola (Gloria Pires) vai se a aproveitar que a namorada de Alfredo (Nicolas Prattes) foi acompanhar o rapaz na guerra para voltar dopar Justina.

Com o tratamento paralisado a recaída da moça será inevitável. Porém, o tempo em que ela ficará prostrada em uma será curto. Com o fim da Revolução, Adelaide retorna para a mansão e volta a se dedicar à irmã.

Assim, Justina aprende a enganar a mãe quanto ao consumo de tranqulizantes e, ainda, retoma as consultas com a Dra. Selma (Aline Borges). A médica passa a submeter a paciente a sessões de hipnose e a filha de Emília fica a um passo de revelar a verdade sobre a morte do seu pai. Confira!

Adelaide ensina Justina a se livrar dos remédios

Éramos Seis: Justina bate o pé, enfrenta Emília e põe a mãe a um passo de ser desmascarada

Em Éramos Seis, Adelaide conseguiu um emprego como correspondente de um periódico para cobrir a Revolução de 1932 diretamente do front, deixando Emília perplexa e Justina nas mãos da ricaça.

Com sua partida, o tratamento de Justina com a Dra. Selma sofreu uma pausa e a tia de Lola se aproveitou disso para voltar a manter a filha mais velha dopada a fim de que ela não revele o segredo da megera.

Nos próximos capítulos da trama, a guerra acaba e namorada de Alfredo retorna para casa. A primeira medida da feminista será fazer com que a irmã volte a se consultar com a psicoterapeuta.

Uma das primeiras medidas de Adelaide será impedir que Justina continue a ser dopada por Emília ensinando a irmã mais velha a cuspir os medicamentos sem que a dondoca perceba e jogá-los fora.

A medida fará com que a prima de Olga (Maria Eduarda de Carvalho) recupere suas forças e lute contra a mãe para retomar o tratamento e, consequentemente, suas lembranças do passado.

A história começa a se desenrolar no capítulo do dia 28 de fevereiro.

Justina entrega Emília após sessão de hipnose

Éramos Seis: Justina bate o pé, enfrenta Emília e põe a mãe a um passo de ser desmascarada

Nos próximos capítulos de Éramos Seis, Selma inicia um novo procedimento em Justina capaz de fazer com que a moça se lembre do trauma sofrido ainda menina e que a condenou há anos de prostração.

Tudo acontece depois que Adelaide retorna da guerra disposta a desmascarar Emília. A feminista sabe que a mãe esconde um segredo e usa a doença da filha mais velha para se safar.

Desde que Justina passou a se tratar com a doutora Selma que a jovem teve melhora considerável, mas que acabou sendo interrompida por causa da Revolução já que sua irmã foi cobrir a guerra.

Assim que retorna do front de batalhas, Adelaide procura pela psicoterapeuta para que retome o atendimento à filha da milionária e a médica avisa ter encontrado um método ainda mais inovador que pode ajudá-las.

"Hipnose, mas o que isso significa? Meu Deus! É tudo dito assim, com essa sua empáfia e arrogância. Mas é tudo um risco, porque nada muda a natureza de Justina, que você teima em querer consertar. Pois não concordo. Não permito. Isso pode ser uma violência para alguém tão frágil", reage Emília ao saber dos planos da filha.

Para surpresa da megera, Justina se posiciona a favor da irmã e confronta sua mãe enquanto deixa Adelaide orgulhosa. "Mas eu vou. Eu vou porque eu quero. Já sou uma adulta. E minha irmã cuida de mim", sinaliza a moça enquanto abraça a feminista.

Na sequência, Justina aparece na sala do consultório da doutora Selma que inicia a sessão pedindo-a que observe atentamente o balançar de um pêndulo enquanto ela orienta a paciente.

“Sinta as suas pálpebras relaxadas. Pode deixar seus olhos se fecharem lentamente. Nós temos memórias importantes na nossa vida, e agora você está pronta para acessar as suas. Vou começar a contar. Dez, nove, oito...", dirá a médica.

De repente, Justina entra em transe e começa a se lembrar do passado. Nas imagens projetadas em sua cabeça a moça escuta o choro de alguém, além de alguns gritos, até perceber a presença de um homem.

A irmã de Adelaide fica muito agitada e acaba segurando bem forte na mão da irmã antes de se expressar. “Sinto medo, muito medo. Frio e medo. Ele vai me pegar. O medo, o medo me pega. Quero correr, não quero ver. Socorro", berra.

Para acalmá-la, Selma sugere que a paciente se lembre de um dia feliz e Justina se remete ao dia em que voou pelos céus de Itapetininga. "Agora vou contar até cinco. Depois disso, você vai acordar. Um, dois, três, quatro... Cinco", complementa a profissional.

A cena deixa a namorada de Alfredo preocupada e ela chega a questionar a doutora se o procedimento realmente será bom para sua irmã. "Ela vai conseguir lembrar o que a aflige”, responde a médica.

“Justina tem um comprometimento mental importante, mas estou convencida que um trauma passado certamente piora o quadro dela", insiste Selma enquanto Adelaide tem um sinal.

"Descobri que minha mãe esconde as fotos do meu pai. Justina não gosta nem de ver", pontua a feminista. "Então vamos trabalhar isso na próxima sessão. Vamos fazer uma regressão mais profunda. Confia em mim", implora Selma.

A sequência será exibida no dia 28 de fevereiro.

Mais Notícias