Reportar erro
SBT

"Cúmplices de um Resgate" perde mais de três pontos e bate recorde negativo

Reprise derrubou audiência de um dia para o outro

Larissa Manoela em "Cúmplices de um Resgate"
"Cúmplices de um Resgate" teve baixa audiência no última quinta-feira (30) - Foto: Reprodução/SBT
Naian Lucas

Publicado em 31/05/2019 às 17:57:02

A reprise de “Cúmplices de um Resgate” amargou o seu pior desempenho nessa quinta-feira (30), caindo mais de 3 pontos de um dia para o outro. O índice de ontem superou negativamente a audiência do dia 25 de janeiro, feriado municipal em São Paulo.

De acordo com informações divulgadas pela Kantar Ibope, a produção protagonizada por Larissa Manoela fechou com 8,4 pontos de média. No dia do aniversário da capital paulista, a novela havia obtido 9,2.

Esse desempenho negativo vai na contramão do destaque que a atração teve na última quarta (29). Isto porque a reexibição conseguiu ter a mesma audiência que a inédita “As Aventuras de Poliana”: 11,8 pontos.

Numa comparação de quarta para ontem, “Cúmplice de um Resgate” viu seu desempenho diminuir em 3.4 pontos, o que representa uma queda percentual no Ibope de 29%.

A primeira exibição da novela contou com 357 capítulos e a tendência é que a reprise siga o mesmo caminho, sendo substituída no final de maio do ano que vem. Ainda não há um nome definido para suceder a produção.

“Cúmplices de um Resgate” foi produzida originalmente entre os dias 03 de agosto de 2015 e 13 de dezembro de 2016, entrando no lugar de “Chiquititas” e sendo antecessora de “Carinha de Anjo”. A trama é uma adaptação de “Cómplices al rescate”, criação de Rosy Ocampo.

Com o sucesso de “Carrossel” (2012), Larissa Manoela ganhou a oportunidade de protagonizar a novela. Ela deu vida as irmãs gêmeas Manuela e Isabela. As duas cresceram separadas sem saber da existência uma da outra. Quando se conhecem, resolvem trocar de lugar.

Apesar do recorde negativo, a trama teve 104 capítulos e segue com média acumulada de 10.89, sendo uma das principais audiências do SBT na capital paulista.

Mais Notícias