Reportar erro
La La Land – Cantando Estações

Miles Teller ainda não se conforma por ter perdido papel de protagonista de “La La Land"

milles_8698b4ec94b51ba71bfad72686aa0cdbeac4972c.jpeg
Divulgação
Taty Bruzzi

Publicado em 24/10/2017 às 20:30:12

Quase um ano depois da estreia de “La La Land – Cantando Estações” nos cinemas, Miles Teller ainda não se conforma de ter ficado de fora do projeto. O ator teria sido convidado para viver o protagonista Sebastian.

Porém, de acordo com publicação na Page Six em janeiro deste ano, após o sucesso com “Wiplash – Em Busca da Perfeição” (2014), também do diretor Damien Chazelle, o ator ficou deslumbrado.

Por conta disso, Teller não aceitou o cachê oferecido no valor de US$ 4 milhões por achar estar muito abaixo do que ele realmente merecia pelo trabalho, exigindo o valor de US$ 6 milhões.

Miles Teller ainda não se conforma por ter perdido papel de protagonista de “La La Land\"

Para justificar sua não participação, outra versão da história teria sido divulgada. Desta vez, o astro do remake de “Quarteto Fantástico” (2015) foi dispensado da produção porque não seria “criativamente adequado” para o projeto.

Em recente entrevista à revista “Vulture”, Teller se defendeu mais uma vez das acusações consideradas por ele mentirosas. “É absolutamente falsa essa informação! O dinheiro nunca foi um problema. Eu posso te garantir que este era um papel que eu realmente queria interpretar e não abriria mão dos US$ 4 milhões para protagonizá-lo”, disse.

“E quando o filme estava se desfazendo, eu permaneci firme a ele e ainda disse aos diretores que eu queria muito fazê-lo. Eu não ia abandonar esse barco só porque ele era algo incerto. Eu morrerei com a certeza de que no final das contas, eu mantive minha lealdade extrema ao Damien e isso é tudo que vou dizer”, finalizou.

Emma Watson também teria se arrependido

O mesmo teria acontecido com Emma Watson, que foi o primeiro nome pensado para viver a aspirante à atriz Mia no musical, e também “desprezou” o convite. Após o reconhecimento de “La La Land – Cantando Estações”, ambos se arrependeram de suas escolhas.

O papel do pianista acabou ficando com Ryan Gosling, enquanto que coube à Emma Stone viver a protagonista. A química entre o casal rendeu à atriz o Oscar e ao ator a indicação à estatueta.

Além disso, a boa repercussão do filme que trazia uma linda história de amor e, ainda, fazia uma homenagem aos musicais clássicos, foi o maior sucesso dos últimos tempos e a produção faturou quase todas as principais premiações do cinema.

Mais Notícias