Explosão de assinantes

Coronavírus pode fazer Disney+ atingir 202 milhões de assinantes, diz estudo

Disney+ foi lançado há seis meses, mas números impressionam

Coronavírus pode fazer Disney+ atingir 202 milhões de assinantes, diz estudo
Disney+ chega ao Brasil em novembro

Publicado em 11/05/2020 às 11:22:20

Por: Redação NT

Segmento em plena ascensão com mais pessoas em casa confinadas, o streaming tem inúmeras opções e a recém-lançada Disney+ é uma delas. No ar desde novembro do ano passado, a Disney+ está recebendo uma "grande ajuda" da Covid-19, o novo coronavírus, e pode atingir 202 milhões de assinantes globais até 2025.

A projeção foi realizada pela empresa britânica Digital TV Research. A perspectiva está muito acima da feita anteriormente, que calculava cerca de 126 milhões em torno de cinco anos.

"Revisamos completamente nossas previsões para 138 países após a pandemia do Covid-19", disse Simon Murray, analista principal da Digital TV Research ao site Deadline.

Netflix segue líder, diz empresa

Ainda que o crescimento da Disney esteja sendo considerável, a Netflix terá, de acordo com a projeção, 258 milhões de assinantes. Já a HBO e Apple TV+, em 2025, teriam 25 milhões e 14 milhões de assinantes, respectivamente.

Na semana passada, a Disney informou ter atingido 54,5 milhões de assinantes no Disney+. A explosão de assinaturas coincidiu com o surgimento do novo coronavírus. A Netflix também teve altos ganhos [16 milhões de assinantes] no último trimestre.

A previsão é que o Disney+ chegue ao Brasil no final do ano, em novembro. Até lá, grande parte do conteúdo do estúdio vem sendo exibido com exclusividade pelo Prime Video, da Amazon.




publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!