Reportar erro
Azul e rosa

A metamorfose Ana Maria Braga: Como pintar os cabelos sem danificá-los?

Titular do Mais Você vem mudando a cor do cabelo

Ana Maria BRaga de dread, cabelo azul e rosa
Os cabelos diferentes de Ana Maria Braga - Foto/Montagem/Reprodução/TV Globo
Thiago Forato

Publicado em 15/02/2021 às 08:34:17

Ana Maria Braga vem surpreendendo no Mais Você nos últimos dias. Depois de ter feito o programa de dreads e pintado o cabelo de rosa, agora ela está com as madeixas na cor azul. Como toda troca radical, há que saber os riscos e fazer de uma maneira que não agrida tanto os fios. "A pausa recomendada entre os procedimentos a base de química deverá ser de, no mínimo, um mês, para não danificar", diz a Dra Fernanda Nichelle, médica especialista em beleza consultada pelo NaTelinha.

Segundo a profissional, os pacientes sempre são alertados quanto aos cuidados que devem ser tomados com o cabelo na troca da cor. "Recomenda-se também fazer uma hidratação antes e depois de aplicar a nova tinta", avisa.

Para quem muda o visual com frequência, o principal, segundo ela, é respeitar a qualidade e integridade da fibra capilar. "Caso a fibra esteja danificada, a fixação dos pigmentos fica comprometida e a fragilidade aumenta, levando ao ressecamento e à quebra. Deve-se seguir exatamente o protocolo de aplicação do fabricante", afirma.

A pausa para a recuperação dos fios

O tempo de pausa sugerido por cada um, ainda, refere-se ao período em que a coloração entra no córtex e ocorre o processo oxidativo, que é quando os pigmentos são revelados e não conseguem sair. "Ao não respeitar os passos e o tempo, aumentamos o desbotamento dos fios e a chance de insucesso no tratamento", diz.

Depois de um tempo, com as excessivas mudanças na coloração dos fios, eles podem ficar mais fracos e quebradiços, propensos à porosidade e à quebra. O mais segundo seria uma transformação gradual, e com intervalo de aproximadamente um mês, sempre intercalando procedimentos com tratamento para reestruturar a fibra capilar.

Nichelle também pede que antes de mudar a cor do cabelo, o paciente a fazer tratamentos especiais de acordo com as necessidades dos fios. "Faça uma avalia para perceber se o problema está na hidratação, nutrição ou estrutura do fio e foque em tratamentos específicos para corrigir isso", conta.



Mais Notícias
Outros Famosos