Polêmica

Mulher de Cauã Reymond se revolta após ter post sobre masturbação feminina apagado

Mariana Goldfarb desabafou em seu Instagram

Mulher de Cauã Reymond se revolta após ter post sobre masturbação feminina apagado
Mariana Goldfarb - Reprodução

Publicado em 17/08/2020 às 16:31:22

Por: Redação NT

Mariana Goldfarb, mulher de Cauã Reymond, se mostrou indignada nesta segunda-feira (17) após uma publicação sua defendendo a masturbação feminina ser excluída do Instagram. Segundo a modelo, a empresa usou a alegação de que o conteúdo era inadequado.

"Meu post anterior sobre autoconhecimento e apropriação do corpo da mulher pela própria mulher, onde a masturbação está incluída, logicamente falando foi apagado pelo Instagram que alegou que o conteúdo era impróprio", começou.

Em outro momento, ela ainda se mostrou mais incomodada ainda pelo fato de outras páginas, que ela julga serem desrespeitosas com mulheres, continuarem no ar. "Acharia prudente que o mesmo desse uma visitada na maioria dos perfis de objetificação da mulher e afins e apagar todos, porque isso sim é conteúdo impróprio", escreveu.

Para concluir, a famosa ainda deixou claro que aqueles que se sentirem desconfortáveis com algo que ela publique, pode deixar de seguir. "Quero deixar a todos que não se sentem a vontade com determinados assuntos o meu muito obrigada e até logo, e para aquele que queiram trocar e ampliar o olhar sejam muito bem vindos e obrigada por compartilhar", concluiu.

Seguidores repercutem desabafo de mulher de Cauã Reymond

Não demorou para que a publicação feita por Mariana começasse a repercutir entre os seguidores, com boa parte demonstrando apoio para a modelo.

"Tá cada dia mais difícil ser livre e ter opinião Mari. Depois que vi o caso da menina estuprada e grávida, gente dando palpite dizendo que o aborto foi crime, percebo o quanto nunca poderemos ser livres da maldade opinião e julgamento alheio. Muito triste! Você é uma linda! Posta mesmo... é necessário!", escreveu um. "Que absurdo, o post anterior não tinha nada demais pra ser considerado impróprio", comentou outro. "Não tinha nada de impróprio. Auto conhecimento é tudo na vida", escreveu mais um.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!